Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2011

Anúncio de alimento não saudável predomina na televisão

Propaganda induz crianças a acreditarem que tais alimentos não sejam prejudiciais


Na Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, uma pesquisa mostra que peças publicitárias de alimentos na televisão induziram diversas crianças a acreditar que esses produtos eram bons e saudáveis. O estudo também acompanhou os anúncios exibidos e aponta que nenhum deles mostra alimentos saudáveis. O nutricionista Alexander Marcellus, que realizou o trabalho, defende que o Congresso Nacional regulamente a publicidade de alimentos para crianças, que não possui lei ampla sobre esse assunto no Brasil.


Participaram do trabalho 15 crianças de 10 a 12 anos e 15 mães, entrevistados para avaliar a maneira como percebem a publicidade de produtos alimentícios na televisão. Também foi analisada a programação dos dois canais de maior audiência para o público infantil, de segunda à sexta-feira. “Entre as crianças pesquisadas, 26% viam mais de 3 horas de televisão durante a semana, e 40% assistiam 6 horas ou mais no fina…

Projeto MeDALL

É um fato que as alergias vem aumentando nas ultimas décadas, à ponto de serem consideradas uma verdadeira epidemia mundial do Século XXI.
Motivos? Muitas explicações. Poucas certezas.
É cada vez mais clara a necessidade de se iniciar uma prevenção efetiva a fim de controlar esta epidemia. E, para investir nesta ideia foi criado o projeto MeDALL “Mecanismos de Desenvolvimento da Alergia”), financiado pela União Européia com o objetivo de esclarecer os motivos reais do aumento da prevalência das doenças alérgicas. De 24 a 26 de Janeiro cientistas estarão reunidos em Barcelona para estabelecer as bases científicas do projeto. É prevista uma duração de 4 anos, sendo a sua coordenação feita pelo Centro de Investigação em Epidemiología Ambiental (CREAL) e pelo Instituto Nacional de Saúde e Pesquisa Médica de Paris (INSERM).
OBJETIVOS:
- Colher informações de cerca de 40.000 crianças nascidas entre 1992 e 2007. Destes, 18000 serão estudados numa segunda fase do projeto.
- Gerar novos conhec…

Tosse

A tosse é um reflexo do organismo para retirar corpos estranhos, impurezas do ar e secreções das vias respiratórias. No momento da tosse, há uma inspiração profunda, seguida do fechamento da glote e de uma expiração forçada. O diafragma se contrai, criando uma pressão positiva, expulsando o ar. A glote então se abre, culminando com a saída ruidosa e súbita do ar pela boca.

É importante saber que existem estruturas, verdadeiros sensores de tosse, localizadas em pontos variados do organismo, não apenas na árvore brônquica. Por exemplo, temos sensores de tosse nos seios da face, ouvidos, laringe, esôfago, estômago, coração. Estas estruturas são sensíveis ao reflexo e estão conectadas ao cérebro, que é o grande coordenador da tosse: emitem um aviso, o cérebro responde e envia a ordem para desencadear o sintoma. A tosse, portanto, é um reflexo que depende parcialmente de nossa vontade - mas em algumas situações não há como evitá-la.

Concluindo:

1) Todo ser humano tosse. Parece simples, mas n…

Imunodeficiência ou baixa imunidade

1 - O que é imunodeficiência?
Nosso sistema imunológico é como um exército, onde existem diferentes armas, todas importantes para manter a defesa do organismo de forma adequada. A primeira linha de defesa é formada por células do sangue, denominadas glóbulos brancos (fagócitos), e por proteínas do sangue capazes de destruir microorganismos (sistema complemento). Quando estes componentes não conseguem destruir os microorganismos, o organismo lança mão de células específicas, denominadas linfócitos T e B.
Imunodeficiência é um grupo de doenças, caracterizadas por um ou mais defeitos do sistema imunológico. Como conseqüência destas alterações, o indivíduo se torna mais propenso a apresentar grande número de infecções.

2 - Estas alterações do sistema imunológico são hereditárias?
Existem dois grupos de alterações imunológicas. O primeiro grupo é constituído por defeitos hereditários, provenientes dos pais, e geralmente iniciam-se na infância, embora em algumas situações só se manifeste na ida…

Deixe as alergias do lado de fora da casa

Ter alergia respiratória em grandes centros urbanos não é nada fácil. E não é apenas nas ruas que o problema aparece. Devido ao alto nível de poluição, a poeira vira quase um dos moradores da casa, atrapalhando ainda mais a vida do alérgico. 
Existem várias maneiras de diminuir o problema, mas a principal delas diz respeito à decoração dos ambientes. Nesse caso, a palavra de ordem é simplicidade.  De acordo com a Associação Brasileira de Alergia e Imunopatologia (Asbai), a prioridade é evitar estofados, cortinas, tapetes e tecidos em casa, pois esses são os locais preferidos para a proliferação dos indesejáveis ácaros. 
— A casa deve ter pouco mobiliário, seguindo um estilo mais clean, para facilitar a limpeza, afirma João Tebyriçá, presidente da Asbai.
Atenção especial
O cômodo mais importante para o alérgico é o quarto. Portanto, a decoração do mesmo deve ser ainda mais simples do que a do resto da casa. Tapete? Nem pensar. Objetos de decoração? Quanto menos, melhor.
— Pisos colados (ti…

Asma ou bronquite alérgica

A asma, também conhecida como bronquite alérgica é uma doença crônica dos pulmões que tem como principal característica a presença de uma inflamação nas vias respiratórias que provoca um aumento da sensibilidade à vários estímulos (hiperreatividade ou instabilidade dos brônquios). Estes brônquios instáveis, ao serem provocados (por exemplo, pela poeira) fazem surgir os sintomas da asma.

Asma não é motivo de vergonha. Você pode controlar e ter uma vida normal!
Sintomas principais da asma
Sensação de “peito preso”
Falta de ar, cansaço fácil
Chiados
Tosse (com ou sem catarro)
Os sintomas variam de pessoa para pessoa.


Como a doença se manifesta
• A asma pode ser uma doença esporádica, com sintomas leves – por exemplo uma
tosse, que “vai e vem”. É a asma leve e esoorádica.
• Em outros casos, os sintomas já surgem com maior frequência - mais de duas vezes
por semana e menos de uma vez ao dia. É a asma leve, porém persistente.
• Se os sintomas passam a ser mais frequentes, com crises mais de duas vezes …

Veneno de inseto causa alergia

Os insetos que mais causam alergia são abelhas, marimbondos e formigas. Nas pessoas que são alérgicas a picadas de insetos, o organismo interpreta o veneno injetado como um inimigo. Anticorpos são formados para combater a substância, que em tese seria inofensiva. Nessa reação exagerada e inadequada, ocorrem sintomas como coceira, dilatação dos vasos, inchaço nas mucosas e queda da pressão arterial.
O socorro
A pessoa deve procurar o serviço médico com urgência se suspeitar que esteja sofrendo uma reação. Quem já sabe que é alérgico e está exposto a atividades de contato com os insetos tem a possibilidade de carregar consigo medicamentos que controlam a reação, prescritos por um médico. Mesmo assim, devem procurar assistência médica se for picado. Existe também tratamento que impedirão reações instantâneas. Serão precisos dois a três anos de tratamento para que haja a reversão da alergia.
CUIDADOS GERAIS PARA EVITAR PICADAS DE ABELHAS E MARIMBONDOS 
- Não use perfume, sabonete, loção pós-…

Vacina sub lingual para tratar a rinite alérgica nas crianças

A rinite alérgica é uma doença que acomete adultos e crianças. Calcula-se que cerca de 40% da população mundial seja portadora desta doença . Os sintomas se confundem com gripes e resfriados - espirros, coriza, congestão e coceira no nariz, olhos, ouvidos e gargantas.

A rinite alérgica é muitas vezes pouco valorizada tanto por médicos como pelos próprios pacientes (ou por seus responsáveis no caso das crianças). Mas a realidade é outra!

A repetição dos sintomas nasais se deve à inflamação persistente da mucosa nasal. Com o passar do tempo, esta inflamação atinge outros setores, gerando problemas: em olhos (conjuntivite) nos seios da face (sinusite), em ouvidos (otites), na garganta (amigdalites, faringites, laringites), nos pulmões (tosse, asma, bronquite). Além disso os sintomas da rinite perturbam o sono, o apetite, influenciam no humor, prejudicam as atividades diárias e interferem na qualidade de vida, seja na criança como no adulto.

Por isso, tratar a rinite é fundamental. E, trata…