Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2009

Dica para alérgicos a alimentos

O site Todo Alergias divulga um interessante guia mundial de restaurantes, hotéis e lojas para celíacos e alérgicos, com mais de 15.000 lugares em 30 países.

Clique aqui e visite o manual

Comentando notícias sobre alergia

Rinite alérgica pode prejudicar o desempenho sexual





Cloro das piscinas: alergia ou irritação?





Asma – supere a preguiça e ganhe controle da doença 






Clique abaixo e leia nossos comentários sobre estas notícias veiculadas na mídia:





Comentando notícias em Alergia


Rinite alérgica pode prejudicar o desempenho sexual

A revista “Allergy and Asthma Proceedings” publicou recentemente os resultados de um estudo entre portadores de rinite alérgica, comparados com indivíduos normais, avaliando a interferência da alergia nasal nas atividades diárias, sono, fadiga e qualidade de vida.
A conclusão é muito interessante, pois mostra que há uma nítida influência da doença na libido. Os pesquisadores chamam a atenção para o fato de que os sintomas nasais repetidos e persistentes, em especial a sensação de nariz entupido, espirrando e escorrendo, prejudicam a respiração, alterando sono, provocando fadiga, irritabilidade, interferindo na vida social da pessoa. O prejuízo pode ir desde um dificuldade em beijar …

Alergia sob controle

Reconheça seu tipo de alergia pelos sintomas e aprenda como mantê-los bem longe


Alergia Respiratória

Sintomas
Rinite alérgica: coriza, espirro, nariz entupido e coceira. Asma ou bronquite asmática: falta de ar, chiado no peito.

Causas

Ácaros na poeira de casa, fungos, pólen de flores, pelos de animais e insetos, como baratas. Fumaça de cigarro, tinta e virose podem desencadear alergias.
Tratamentos
Rinite: inalação diária com corticóide. Asma: uso contínuo de spray com corticóide. Na crise, spray com broncodilatador.

Prevenção
Praticar atividades físicas ao ar livre, manter os ambientes arejados e sem poeira.


Alergia Dermatológica

Sintomas
Urticária: placas vermelhas e coceira em qualquer parte do corpo. Eczema: descamação e coceira restrita à área alérgica.

Causas
Urticária: alimentos (principalmente camarão, leite, ovo e trigo). Remédios, como analgésicos e anti-inflamatórios, também podem desencadear crises. Eczema: há mais de 400 desencadeadores, como perfume, esmalte e cosméticos.

Tratamentos
Ur…

Tomar banho quente pode causar coceira

Se você sente coceira após o banho e acha que a culpa é da água, pense duas vezes: a alergia à água (urticaria aquagenica), é extremamente rara."Em toda a literatura médica mundial, deve haver registrados um máximo de 20 ou 30 casos desse tipo", diz Fátima Fernandes, do Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo e diretora da ASBAI.
Provavelmente, o culpado pelo incômodo é o banho quente e prolongado - ou seja, não se trata da água em si, mas da sua temperatura e da exposição duradoura a ela, além de várias aplicações de sabonete.
A pele perde seu manto protetor de gordura, surgindo coceira, pele ressecada e mesmo eczemas. Eventualmente a sensibilidade a determinadas substâncias presentes nos sabonetes e xampus também pode contribuir para o problema, explica Osmar Rotta, professor de Dermatologia da Unifesp. O problema afeta principalmente pessoas de idade mais avançada. À medida que a pele vai envelhecendo, ela vai perdendo um pouco de sua hidratação.

Banhos rápi…

Asma - esclarecendo mitos

Analise estas frases e diga:
Estão corretas?


São fatos ou mitos?
“Não se preocupe, é apenas uma bronquite alérgica. Vai passar quando crescer”

“Asma é uma questão de cabeça.”

“Os remédios para asma são fortes, viciam e fazem mal ao coração”

“A mulher que engravidou tem que parar todos os remédios para asma”.

“A criança que tem asma não pode comer nada amarelo”

“Eu tive asma e curei com simpatia”


Agora clique abaixo e leia as respostas:
Asma – esclarecendo mitos

“Não se preocupe, é apenas uma bronquite alérgica. Vai passar quando crescer”

Asma, bronquite alérgica, bronquite asmática são nomes diferentes para a mesma doença. Não importa se é fraca ou forte: deve ser tratada para evitar a piora.
Diz o ditado popular: “é de pequenino que se torce o pepino”. Quando mais cedo se trata, melhor se controla a asma.
Existe um grupo de pessoas onde a asma se apresenta na infância e depois melhora ou até desaparece na adolescência. Mas, esta não é a regra, já que os sintomas tendem a reiniciar após algum…