Pular para o conteúdo principal

Postagens

Apresentação

Postagens recentes

Angioedema

Angioedema é o nome dado ao inchaço das camadas mais profundas da pele. Antigamente era conhecido como edema de Quincke ou edema angioneurótico.  O angioedema acomete qualquer idade. Pode ocorrer isolado ou em associação com a urticária. Em geral não coça, tem início súbito e pode ser precedido por sensação de ardor. Obedece aos mesmos mecanismos determinantes da urticária, porém, localiza-se em  áreas de tecido frouxo, mais distensível e propício à infiltração da camada subcutânea, principalmente nas pálpebras, lábios, orelhas, língua, garganta (edema de glote), mãos e genitália (pênis e vulva). O tempo de duração do angioedema é variável, de poucas horas até permanecer por mais de um dia. Quando compromete a garganta (edema de glote), pode levar a casos graves de falta de ar e necessitar atendimento de emergência. A principal causa do angioedema é medicamentosa. Em especial, podemos citar os       anti-inflamatórios comuns, chamados não hormonais, analgésicos, bem como alguns tipos de…

Alergia a banana e kiwi

Como pode alguém que nunca teve reação alérgica a frutas sofrer um choque anafilático após comer banana ou kiwi? Pode parecer bizarro, mas a explicação está na borracha. O médico Marcelo Aun, diretor da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI), esclarece: a origem deste distúrbio ao ingerir as frutas pode estar ligada à alergia ao látex. Alergia: reação cruzada A mesma substância causadora da alergia ao látex está presente também em frutas como banana e kiwi. É uma proteína de defesa expelida pelas árvores durante a extração da borracha. Por isso, após reagir pela primeira vez a esta substância, uma pessoa alérgica ao látex pode ficar sensível também às frutas. Trata-se de um fenômeno conhecido como reação cruzada. "Tenho paciente que apresentou reação ao encher uma bexiga e, tempos depois, ao comer uma banana, teve reação grave. O paciente jura que nunca teve reação à banana e não entende por que aconteceu. É a presença de antígenos que estavam presentes no látex e tam…

Obesidade e Asma

Asma e obesidade estão relacionadas? “Estudos sugerem que a ação pró-inflamatória do tecido adiposo pode levar ao desenvolvimento de inflamação nas vias aéreas e, como consequência, deste processo, a asma”, explica o Dr. Fábio Kuschnir, especialista e diretor da Associação Brasileira de Alergia e Imunologia (ASBAI). Segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS), a asma atinge cerca de 235 milhões de pessoas em todo o planeta. Só no Brasil, a doença afeta aproximadamente 20% das crianças e adolescentes. Estudos apontam que a asma é responsável pela morte de dois milhões de pessoas no mundo. Já a obesidade, ainda de acordo com dados da OMS, em 2025, cerca de 2,3 bilhões de adultos estarão com sobrepeso, e mais de 700 milhões, obesos. O número de crianças com sobrepeso e obesidade no mundo poderá chegar a 75 milhões. Diferentes hipóteses envolvendo fatores genéticos, ambientais, nutricionais, tipo de microbiota, estilos de vida entre outros, procuram explicar a relação entre…

Corticoides para uso nasal - sprays nasais

* São medicamentos eficazes para tratar a rinite alérgica
* Têm um bom perfil de segurança, podendo ser utilizados por tempo prolongado.
* Estes medicamentos não têm os efeitos colaterais dos corticoides usados sob a forma de comprimidos, xaropes ou de injeções.
* Não viciam e não engordam. * Podem ser usados em crianças, gestantes, idosos, hipertensos, sob orientação médica * Devem ser usados diariamente, mesmo que os sintomas estejam controlados.

Mas, é importante que sejam aplicados com técnica adequada. O jato do spray não deve ser aplicado em direção ao septo nasal, mas sim para as às asas laterais das narinas. Desta forma o medicamento se distribuirá melhor e com menor risco de efeitos colaterais como por exemplo: ardência, irritação e sangramento local.
Como usar o spray nasal
1) Antes do uso, lave as narinas com solução fisiológica e assoe suavemente
2) Agite o frasco e remova a tampa
3) Segure o frasco na posição vertical, mantendo o polegar na sua base e colocando os dedos médio e in…

IgE não faz diagnóstico de alergia alimentar

Esse é um assunto recorrente. Infelizmente, de forma frequente vejo pessoas – especialmente crianças, o que é mais grave – privando-se de alimentos importantes porque o médico pediu um exame de IgE que deu positivo. Mas a prática da Alergia não é simples assim!!! O diagnóstico da doença alérgica não pode se basear apenas num resultado positivo de um exame. É o conjunto que importa e especialmente a clínica do paciente, ou seja, seus sinais e sintomas. Então, vamos falar mais uma vez. 

ALERGIA A LEITE (E OUTROS ALIMENTOS) NÃO OCASIONA: 
• Resfriados de repetição 
• Excesso de muco 
• Infecções de ouvido 
• Pneumonias 
• Infecções de garganta 
• Baixa de imunidade 

ALERGIA AO LEITE PODE CAUSAR:
• Anafilaxia 
• Proctocolite e/ou colite alérgica 
• FPIES ( enterocolite alérgica) 
• Esofagite eosinofílica 
• Outros problemas gastrointestinais (cólicas do lactente, refluxo gastroesofágico. 
Mas, cuidado! Nem sempre é a alergia que está por trás disso!) 
• Dermatite atópica 
• Urticária aguda 

O leite de vac…

Eczema de contato ocupacional nos idosos

O eczema de contato é produzido pela ação direta de substâncias sobre a pele. Estas substâncias podem atuar como irritantes da pele ou por mecanismo alérgico. Em algumas pessoas, o eczema pode estar relacionado às atividades de trabalho, sendo neste caso, chamado de "Eczema de contato ocupacional". Antigamente, era raro em idosos. Hoje, é comum que  idosos trabalhem até uma idade mais avançada, manipulando por mais tempo determinados materiais. Além disso, alguns indivíduos passam a lidar com substâncias novas, mais sensibilizantes, decorrentes de trabalhos alternativos, iniciados após a aposentadoria, para complementar a renda familiar. O aparecimento das lesões na pele resulta da exposição repetida com substâncias às vezes puras ou em altas concentrações durante o trabalho. Cerca de 80% dos casos de lesões na pele de origem ocupacional é consequente da ação irritante das substâncias empregadas. Diagnóstico do problema O diagnóstico é clínico. O médico alergista analisa a…

ASMA

O dia 21 de Junho é o Dia  Nacional de Conscientização sobre o controle da Asma, doença de alta prevalência no Brasil e que pode acometer qualquer idade, do bebê ao idoso. Apesar de todos os recursos modernos de tratamento, ainda é alto o desconhecimento, os preconceitos por parte dos pacientes, familiares e da sociedade. 
O tratamento adequado é capaz de controlar a doença e permitir uma vida normal para a pessoa. Infelizmente ainda persistem muito preconceitos, gerando medo e a doença ainda é causa de morte.
Os sintomas principais da asma são: sensação de cansaço,  chiados no peito, falta de ar e tosse. Em alguns casos a doença pode se iniciar pela tosse, que aumenta quando a pessoa ri, corre ou à noite. A tosse pode ser o único sintoma.
Existem formas graves da doença, denominadas como "Asma de difícil controle".
Quanto mais cedo a doença for diagnosticada e tratada, menores as possibilidades de complicações da doença.
Esclarecendo dúvidas:
👉Meu filho tem bronquite alérgica e …