19 abril 2015

Cuidados com a casa também ajudam a evitar asma e rinite alérgica



A mudança do clima e das estações do ano podem aumentar a frequência das crises alérgicas. Segundo Neide Freire Pereira, professora de pós-graduação da Faculdade de Medicina de Petrópolis Faculdade Arthur Sá Earp Neto, o controle do ambiente e o uso de vacinas ajudam quem tem rinite ou asma: — Estas medidas influenciam na qualidade de vida dos doentes. 

A família e o paciente devem ser orientadas a não abandonar o tratamento. No caso da asma, a conscientização é importante, pois ela é doença crônica e é necessário tratamento contínuo. 

Espirro, coriza, entupimento do nariz, coceira nos olhos e garganta. Estes sintomas podem ser confundidos com gripe, mas são característicos da rinite alérgica. — Ela não mata, mas maltrata. A respiração começa no nariz e é ele quem filtra, prepara e condiciona o ar — explica a alergista Fátima Emerson, coordenadora da Comissão de Assuntos Comunitários da ASBAI-RJ

Uma rinite mal cuidada pode evoluir para sinusite, bronquite. e, em casos mais graves, para uma pneumonia. O tratamento é fundamental para a prevenção das crises. — Tratar não é só tomar remédio. As vacinas de imunoterapia podem modificar a história natural da doença. Ela não tem cura, mas tem controle. 

A aposentada Maria de Lurdes Correia resolveu forrar o seu colchão e travesseiro com napa para driblar as crises alérgicas. E mais: deu toda a coleção de livros, tirou o carpete e aboliu as cortinas de casa, no Encantado, para não acumular poeira, justamente devido às suas constantes crises de asma. — Passava muito mal. Ia para a emergência e ficava a semana inteira internada — relembra a aposentada, de 71 anos, que pediu socorro à Associação Brasileira de Asmáticos (ABRA) onde os pacientes e seus familiares recebem informação e educação sobre a asma e seu tratamento, esclarecendo mitos e preconceitos. A associação fica na Rua Conde de Bonfim, 255, na Tijuca, no Rio de Janeiro. 

A asma é uma das doenças respiratórias debilitantes, e, sem o tratamento adequado, pode evoluir para doenças mais graves.

Fonte

11 abril 2015

Semana Mundial da Alergia - 12 a 19 de abril 2015


É fato que as doenças alérgicas respiratórias estão aumentando em todo o mundo. A rinite alérgica é a mais comum.Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 400 milhões de pessoas sofrem de rinite, e 300 milhões têm asma em todo o mundo.

A Semana Mundial de Alergia 2015, que será realizada entre os dias 12 e 19 de abril, terá como tema “Alergias Respiratórias: Impacto Econômico e Pessoal”. A rinite alérgica e a asma estarão no foco das discussões.

Rio de Janeiro 
- Abertura: domingo dia 12 de abril de 2015 - serão dois palcos das comemorações:

- Lagoa Rodrigo de Freitas - Parque dos Patins - Av. Borges de Medeiros s/nº - Horário: 9:00 às 12:00 hs.

- Barra da Tijuca - Praça do Ó - Local: Avenida Lucio Costa sem número - próximo ao posto 3 - Praça São Perpétuo - Horário: 9:00 às 12:00 hs.

Em ambos os locais serão montadas tendas com atividades ao ar livre, com música e brincadeira, para atender crianças e adultos, orientando sobre um tema muito importante - Alergias Respiratórias - Asma e Rinite - o impacto das doenças alérgicas na vida das pessoas.

Durante a semana, os principais hospitais da cidade do Rio de Janeiro realizarão palestras e atividades relacionadas à Semana da Alergia:

Clique aqui para acessar a programação do evento no Rio de Janeiro. 

Rio Grande do Norte (Natal)
Durante a semana: ciclo de palestras na Universidade Potiguar(UNP) Entrevistas em redes de comunicação Campanha de informações ao público pelos especialistas em alergia data: 18/04 das 14 às 18:30 h local Shopping Midway Mall exibição de videos , distribuição de panfletos e esclarecimentos ao público

Ceará (Fortaleza)
Dia 15/04 serão ministradas duas palestras no Hospital Infantil Albert Sabin, uma as 7:30 e outra as 13:30 abertas ao público.
Dia 18/04 estaremos todos na beira mar as 7hs entregando panfletos e informando a população sobre o tema.

Espírito Santo (Vitória)
- Divulgação na mídia escrita e falada
- Ações educativas para pacientes e familiares atendidos nos Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória, Hospital da Polícia Militar e Santa Casa de Misericódia de Vitória; Palestra para médicos: O Custo da Asma - 14/04 - 20 h - palestrante: Álvaro Cruz Bahia

Bahia (Salvador)
- Evento no dia 18/04 de informação à população. Participação de um grupo de teatro como apoio
- Inserções em rádios e televisão. 

Goiás 
-  Será realizado divulgação em mídia.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...