Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2011

Alergia e Odontologia

A ocorrência de reações alérgicas na odontologia é baixa, quando se compara com o número total de procedimentos. A maioria destas reações é de pequena monta e resolvidas de imediato. Contudo, em alguns casos, podem assumir proporções significativas. 

- Alergia ao látex 
A prevalência deste tipo de alergia tem aumentado significativamente nas ultimas décadas, seja pelo hábito do uso de luvas no atendimento ao cliente, como pelo maior reconhecimento da doença pelos especialistas. Além disso, o látex também é empregado na confecção de acessórios odontológicos. A alergia ao látex das luvas pode se manifestar de formas variadas: A alergia ao látex afeta predominantemente o profissional, podendo ocorrer sob a forma de dermatite de contato ou como reação do tipo anafilática. A alergia ao látex das luvas pode se manifestar de formas variadas: 1) Dermatite de contato irritativa: resulta da ação direta da borracha sobre a pele, que se torna ressecada e irritada. Pode ser amplificada pelo uso d…

Meu filho tem asma. Ele pode fazer educação física?

Sim. A asma controlada não é impedimento para prática de exercício.  Alguns pais têm medo de que a criança ao se exercitar possa piorar sua doença. As crianças portadoras de asma devem ser avaliadas pelo médico especialista: algumas podem ter tosse, falta de ar ou cansaço quando realizam esforço físico. Outras não mostram dificuldade aos esforços.
Algumas crianças não são orientadas e mediante o desconforto instintivamente se afastam de tudo que exige esforço físico: não querem brincar, evitam correr e muitas vezes são os goleiros nos jogos de futebol. O médico orientará o uso de remédios, se forem necessários. O importante é entender que a asma não deve se tornar obstáculo para a prática de esportes. O professor de educação física deve ser comunicado sobre a asma do aluno e receber orientação sobre a doença, sintomas, bem como sobre os sinais de agravamento da asma e sobre as medidas a tomar se a criança desenvolver sintomas da asma aguda. As crianças maiores já podem ser ins…

Asma e Rinite

Cerca de 80% das pessoas que têm asma, têm também rinite alérgica. Infelizmente, quando as duas doenças se associam, é comum que a alergia nasal fique relegada para segundo plano. 
A verdade é que ninguém respira apenas com o nariz ou apenas com os pulmões. Trata-se de um trabalho integrado, onde cada parte do aparelho respiratório é interligada e essencial para uma respiração saudável. O nariz é a primeira defesa das vias respiratórias e participa de várias funções importantes como a olfação, o paladar, a fala (auxilia na ressonância da voz). É nele que começa o trabalho respiratório. O ar, ao passar pelas narinas, é filtrado, limpo, aquecido, umedecido e condicionado de modo a chegar ao tecido pulmonar plenamente preparado para a passagem do oxigênio do ar para o sangue, essencial para a vida humana. Nariz e brônquios compõem a mesma via respiratória: um único caminho, revestido por um mesmo tipo de mucosa. 
Respirar é essencial para uma adequada qualidade de vida, colaborando par…

Nosso Sistema Imune

Recebemos muitas perguntas sobre as doenças causadas por alterações do sistema imunológico.
Nada melhor para esclarecer dúvidas do que visitar o site da ABRI (Associação Brasileira de Imunodeficiência). Esta associação reune médicos, parentes e amigos no apoio aos pacientes, para reconhecimento e tratamento precoce destas patologias.

Imunodeficiência é um grupo de doenças, caracterizadas por um ou mais defeitos do sistema imunológico. Como conseqüência destas alterações, o indivíduo se torna mais propenso a apresentar grande número de infecções. 


O sistema imunológico é como um exército, onde existem diferentes armas, todas importantes para manter a defesa do organismo de forma adequada. A primeira linha de defesa é formada por células do sangue, denominadas glóbulos brancos (fagócitos), e por proteínas do sangue capazes de destruir microorganismos (sistema complemento). Quando estes componentes não conseguem destruir os microorganismos, o organismo lança mão de células específicas,…

Poluição e alergia

A Organização Mundial de Saúde lançou um alerta: o Rio de Janeiro tem um índice de poluição do ar três vezes superior aos níveis recomendados e pior que o da cidade de São Paulo, que por sua vez ultrapassa em duas vezes este mesmo índice. De 91 países avaliados, o Brasil é o 44° com maior índice médio de poluição do ar. Entre as 1,1 mil cidades avaliadas, o Rio de janeiro ocupa a 144ª colocação entre as mais poluídas: por cada metro cúbico de ar a taxa é de 64 microgramas de poluição, sendo que para a OMS, o ideal seria uma taxa de apenas 20 por metro cúbico de ar. 
Uma das causas dessa poluição é a fumaça produzida pelos carros. Os índices altos de poluição se relacionam diretamente com o aumento de doenças respiratórias. O Brasil é o nono país do mundo em mortes por problemas respiratórios. 
E, no caso das doenças alérgicas, como atua a poluição? 
O trabalho publicado recentemente por um dos médicos da equipe da Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro, Dr. José Lu…