08 janeiro 2011

Asma ou bronquite alérgica

A asma, também conhecida como bronquite alérgica é uma doença crônica dos pulmões que tem como principal característica a presença de uma inflamação nas vias respiratórias que provoca um aumento da sensibilidade à vários estímulos (hiperreatividade ou instabilidade dos brônquios). Estes brônquios instáveis, ao serem provocados (por exemplo, pela poeira) fazem surgir os sintomas da asma.

Asma não é motivo de vergonha.
Você pode controlar e ter uma vida normal!

Sintomas principais da asma
Sensação de “peito preso”
Falta de ar, cansaço fácil
Chiados
Tosse (com ou sem catarro)
Os sintomas variam de pessoa para pessoa.


Como a doença se manifesta
• A asma pode ser uma doença esporádica, com sintomas leves – por exemplo uma
tosse, que “vai e vem”. É a asma leve e esoorádica.
• Em outros casos, os sintomas já surgem com maior frequência - mais de duas vezes
por semana e menos de uma vez ao dia. É a asma leve, porém persistente.
• Se os sintomas passam a ser mais frequentes, com crises mais de duas vezes por
semana e podendo durar dias, já caracteriza uma asma persistente e de grau moderado.
• Os casos mais graves, acompanham-se de crises diárias, com falta de ar evidente, e
prejuízo da qualidade de vida da pessoa: é a asma persistente e grave.


Mas lembre-se: nenhuma asma já começa grave. Por isso é importante reconhecer  sintomas leves. É importante tratar o mais cedo possível, evitando a piora, prevenindo as crises graves e consequentemente evitando o pronto socorro e as internações.
Uma pessoa hipertensa não espera a pressão subir para ir ao médico. E você asmático, deve fazer o mesmo: tratar todos os dias e evitar as crises fortes.
“Prevenir é melhor do que remediar”


Causas de crises de asmaA asma pode ser causada por vários fatores, como:
- Alergia: poeira, ácaros, mofo, pêlos de animais,
- Infecções: viroses - como as gripes e resfriados, ou ainda as sinusites.
-Irritantes: mudanças de tempo, fumaças, odores ativos
- Esforço físico exagerado
- Aspectos emocionais
Outras causas: alguns tipos de medicamentos, alguns alimentos, refluxo gastro esofágico, causas hormonais, fatores relacionados ao trabalho ou à escola, asma provocada por outras doenças, entre outras.

O Controle da doença
Controlar a asma significa abolir ou ter mínimos sintomas durante o dia e a noite; não necessitar de remédios para alívio de sintomas; não ter crises ou tê-las raramente; poder fazer as atividades normalmente e manter valores de função pulmonar normais ou próximos da normalidade. Ou seja, a asma pode estar bem controlada, parcialmente controlada ou então sem controle.

Sinais de que a asma não está controlada
- Visita à emergência ou internação recente.
- Necessidade do uso repetido de corticóide (em comprimidos ou xaropes).
- Sono alterado pela doença: acordar para nebulizar ou para usar remédios.
- Acordar e já se sentir mal.
- Atividades diárias afetadas pela asma, faltar ao trabalho ou às aulas na escola.
- Medida do sopro em queda (se tiver um aparelho medidor do PFE).
- Necessidade de usar remédios de alívio com frequência.

Pergunta:
Como está o controle de sua asma?

10 chaves para conseguir o controle de sua asma:
1) Aprender a entender a doença e como reconhecer uma crise bem no seu início
2) Conhecer os sinais de que uma crise está piorando e se é preciso ir à emergência
3) Procurar conhecer causas e afastá-las se possível. Para isso é preciso mudar hábitos da pessoa e de sua família.
4) Tratar os sintomas nasais: a rinite e a sinusite são agravantes da asma.
5) Entender os remédios: para crises (remédios de alívio) e para controle (preventivos ou antinflamatórios): para que servem, efeitos colaterais, etc. Peça ao seu mmédico que ensine sobre cada um deles.
6) Ter um plano de ação para seu tratamento.
7) Entender sua função pulmonar. Uma boa ajuda é medir o Pico de Fluxo ou “Peak Flow”
8) Condicionamento respiratório e fisioterapia nos casos indicados
9) Ir ao médico regularmente, mesmo que esteja bem
10) Educação do paciente e de sua família

Conselhos úteis:
- Mantenha uma vida saudável: alimente-se e durma bem.
- Valorize a atividade física: caminhe, pratique esportes. Escolha o que mais gosta!
- Mantenha sua casa limpa e arejada. Verifique se há foco de mofo ou infiltrações
- Modifique seu quarto: colchões e travesseiros forrados, retire tapetes, almofadas,    
  bichos de pelúcia. Afaste as camas das paredes.
- Evite ter animais em casa. Mas, se já tiver: dê banho toda semana e afaste do quarto. 
  Não deixe que o animal suba em móveis ou nas camas
- Não fume! Não deixe que fumem junto aos alérgicos
- Previna-se contra gripes.
- Não tenha medo de bombinhas ou de cortisona. Mas use de acordo com a orientação do seu médico.

Aprenda sobre sua doença
Saiba o que fazer numa crise e como evitá-la
Mantenha o tratamento mesmo estando bem
Atue em parceria com seu médico

Conheça:
GINA Brasil
Associação Brasileira de Asmáticos 

180 Dê sua opinião:

Jéssica M disse...

Gostei deste site, pois esclarece muito bem as duvidas.
Tenho uma duvida referente a asma: quando , por exemplo, vou nadar e sem querer entra agua no na boca(comos e fosse se afogar), eu dou uma tossida (como qualquer pessoa que acontece isso), mas depois já vem a crise, o peito começa a chiar e fico mal.
Por que isso acontece?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jéssica: o seu relato sugere que sua asma não esteja bem controlada e por isso, os sintomas surgem quando ocorre um estímulo, mesmo pequeno. Aconselho que peça esta orientação ao especialista que trata de sua asma. Gratos por sua visita e pelo incentivo ao nosso trabalho voluntário neste Blog.

Anônimo disse...

Preciso que me ajudem
Tenho asma ha 7 anos e tenho 22 anos
não aguento mais ficar internada e no 24 hrs
uso o alenia dosagem máxima e ainda sim acabo com minha bombinha de berotec em uma semana
Meu médico disse que não existem medicações melhores que essa e que não tem o que fazer
E além disso tenho sempre que tomar diprospan para conseguir sair das crises

meu nome é Jessica

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jessica: para ajudá-la, seria necessário ter maiores informações sobre seu caso. Por favor, escreva para nosso e-mail. Agradecemos sua visita.

helio disse...

Tive bronquite dos 5 anos até aos l7 anos, aquelas de ficar 5 dias sem poder respirar direito, quando foi minha ultima grande crise, de achar que vai morrer, depois tinha pequenas crises perto do inverno isso até aos 22, depois a bronquite não deu mais , mas a asma noturna veio e tive que usar bombinha “fluir” por uns três anos , depois me casei e fui morar na minha casa onde uso ventilador para dormir,onde fica ligado a noite toda de 1º de janeiro a 31 de Dezembro, e outra! pó que antes nas crises de bronquite e asma vivia limpando paredes , chão , guarda roupa a cada 3 dias, agora quando chega a 1 centimetro de pó exagerando ai eu limpo” uma vez por mês , e faz cinco anos de não tenho crise estou socegado com esse problema

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A asma (ou bronquite) é uma doença que pode ficar longo tempo sem se manifestar, mas que pode reiniciar. A doença controlada permite uma vida normal. Desejo que continue bem, com muita saúde. Aconselho que mantenha os cuidados preventivos. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Gabi Santele disse...

Estou aqui blogando as 5:37 da manhã(madrugada se preferir) por que ainda não durmi, tem sido assim todos os dias praticamente, tenho crises desde adolecente, mas nunca me tratei, e só piorou com o tempo. Agora tenho 28 anos, e só agora tbm, percebo a gravidade p/ procurar ajuda, (no caso o SUS) meu 1º encontro com o especialista está agendado para daqui 3 meses. Estou preocupada, porque acabo de desistir pela 3ª vez da faculdade, (uma vaga de engenharia na federal em SP), por conta desse mau. TUDO IRRITA MEU PULMÂO, risadas, caminhadas, sensação de frio, (mesmo qdo não está tão frio), leite, ou derivados, poira, humidade e mofo então..só tenho 28 anos, e não consigo fazer academia, nem pilotar minha moto, e vivo tomando cortic..Minha filha precisa de mim..Ajudem-me.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Gabi: aconselho que entre em contato com a Associação Brasileira de Asmáticos em SPaulo: http://www.sbasp.org.br/home.asp Aproveite para assistir as palestras, onde receberá informações preciosas sobre o tratamento e prevenção da asma e da rinite. Informe-se pelo telefone 0800 773 8199 / Telefax: (11) 5549-8199. Se preferir, escreva para:info@sbasp.org.br Agradecemos sua visita e esperamos que possa tratar de sua asma e conquistar qualidade em sua vida junto à sua filha.

Anônimo disse...

Boa tarde... Tenho 22 anos e desde que nasci tenho essa maldita dessa bronquite, quando era nenem minha mae disse que tive uma crise de ter que tomar uma injeção mt forte,eh exatamente do jeito que foi falado ela ficou mt tempo sem se manifester fiquei mt tempo sem fazer inalação ou sentir qualquer sintoma, mais tbm jah tive periodos de nao conseguir durmir sem fazer um dia se quer inalação, e infelizmnte isso tah acontecendo divo jah devem tah fazendo uns 5 ou 6 meses que venho fazendo inalação todos os dias antes de durmir, e de uma semana pra cá faço antes de durmir como antes e tenho acordado demadrugada pra fazer tbm e durante o dia tbm fico mt cansada, isso tem acabado comigo minha mae pediu pra mim procurar um pneumologista o quanto antes pois estou 100% dependente do aparelho de inalação, gostaria de saber se mesmo com 22 anos existe cura pra essa doença que tem me feito mt mal nos ultimos meses? Quem puder me ajudar vou ficar mt agradecida pois so quem passa por isso eh que sabe realmente o quanto eh horrivel triste e insuportável querer respirar normalmente e nao conseguir. (nesse momento estou com uma crise nao tao forte mais me encomoda de mais pois estou no trabalho e é dificil ate mesmo para se concentrar no serviço) Agradeço desde jah.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A sua mãe está certa: o uso do inalador não trata sua doença, apenas alivia sintomas. é muito importante tratar a asma (ou bronquite) com o médico especialista. Existem remédios que atuam na inflamação dos brônquios e assim controlam a doença e evitam as crises. O acompanhamento médico é fundamental para se obter o controle e ter uma vida normal. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Olá, meu filho hoje tem 02 anos e foi diagnosticado com bronquite asmática a 01 ano. O fato é que além disso ele tambem tem refluxo! Ele toma medicamentos para tratar tanyo a bronquite asmatica(Bambair e Asmax) quanto o refluxo (motilium)todos os dias a 01 ano! O problema que nos mudamos para uma casa onde tem mofo nos dois quartos em um dos quartos é na parede e no outro é entre a parede e o armario imbutido. O cheiro de mofo esta muito forte e a 03 dias estamos durmindo na sala pois meu filho tosse a noite inteira se ficar no quarto!
Como no momento não temos condições de mudar de casa não sei o que eu faço para diminuir esse mofo e gostaria de saber se isso pode piorar a saúde do meu filho mesmo ele tomando as medicações!
Obrigada!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O tratamento da asma (ou bronquite asmática) não se resume a tomar remédios. É fundamental afastar os fatores agravadores da doença. A maior dificuldade é que em geral são vários estes fatores em cada pessoa. Infelizmente a descrição que faz de sua casa indica um importante agravador da doença do seu filho. E recomendada a realização de obra para controle do mofo no ambiente. Converse com o alergista do seufilho sobre possíveis medidas paliativas enquanto não é possível o conserto do foco. Gratos por sua visita.

VERA LUCIA MEDEIROS DA SILVA disse...

Óla estou com crise de tosse e bronquite.´A 2 MESSES ,VIVO NA EMERGENGIA. NEUM REMEDIO PRA B
ROQUITE ME TIRA DA CRISE. TENHO MEDO DA DIPROPAN.POIS SEU ORGANIMO ACOSTUMA COM ELA. É PERIGOSO?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Vera: o tratamento da asma (ou bronquite) não pode ser feito apenas nas crises. Caso more no Rio, procure-nos na Policlínica para que possamos ajudá-la. Caso more fora do Rio,
consulte o setor “Localize um Especialista” no site da ASBAI: WWW.asbai.org.br . Basta clicar no campo referente ao Estado e depois na cidade e abrirá uma lista de nomes de médicos portadores de título de especialista em Alergia em todo o Brasil.

ana claudia disse...

ola eu tenho endometrioze e devido a paraloscopia eu sei que nao e´assim que escreve mais eu nao sei realamente ,bom tirei um pedaso do intestino ,um pedasinho, e fiquei com sindrome do intestino irritavel,sem contar que sou alergica ao leite e derivados, tb sou alergica a pelo ,puera,ela e agora eu estou adiquirindo mais alergia tipo urticaria gostaria de saber se tem alguma coisa haver pq e´no rosto e da umas bolinhas

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ana Cláudia: o parecer que solicita não pode ser feito através deste aconselhamento na internet. Para emitir um parecer é essencial examinar sua pele, bem como analisar seu histórico clínico de forma criteriosa. Contamos com sua compreensão. Caso more no Rio, estamos ao dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

ray disse...

oi meu filho teve uma crise de asma levei ele numa penrumologista e ela passou pra ele tomar alenia,ele ñ teve mais crises, mais fala que fica cansado pela manhã é normal?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ray: o seu relato sugere que a asma do seu filho ficou apenas parcialmente controlada com o uso do Alenia. Mantenha a medicação mas aconselho que entre em contato com a sua médica para uma nova avaliação. A asma nas crianças frequentemente se acompanha de alergia e rinite. É importante que trate também a alergia para controlar a asma. Gratos por sua visita.

ray disse...

Olá! então como meu filho toma alenia e ainda fica cansando tenho que prucurar tratar da alergia?fico apavorada com medo de uma nova crise,ha colocar na natação tb é bom?Obrigado e fiquem com DEUS...

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ray: tratar a asma não se resume a tomar os remédios. É preciso avaliar se há algum fator agravante que impeça sua melhora. É recomendável procurar o especialista para tratar de forma completa. Natação é um ótimo esporte, mas para iniciar a praticar, é essencial estar com sua asma bem controlada. O alergista orientará a conduta mais adequada para seu filho.

Anônimo disse...

olá meu nome é viviane tenho 26 anos e sempre tive bronquite asmatica!!! nao posso durmir na casa de ninguem pq outro ambiente qualquer já me deixa atacada!!!muitos acham q isso é frescura, por exemplo varrer um chao ou arrumar as roupas no guarda-roupa acaba comigo, e muitas pessoas nao entendem isso, mais minha duvida é: fico as vezes meses e meses sem ter uma crise, ai quando tenho faço uma inalação só com soro e 3 gotinhas de berotec(pra nao acelerar tanto o coração)...e já passa e fica mais um monte de meses sem dar de volta, minha bronquite esta controlada???

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato sugere que seja uma asma leve parcialmente controlada. Aconselho que procure um alergista para orientá-la e evitar que as crises se repitam. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

ola meu nome é jessica e tenho bronquite desde os 5 anos hoje estou com 20. sempre tive crises fortes mais de uns tempos pra cá havia diminuido,ate que comecei a trabalhar em uma empresa onde ha muito pó agora me sinto mal direto principalmente depois do serviço,ja pedi pra eles me mandarem embora pois ta dificil de trabalhar mas eles se recusam a me dispensar e tambem não posso pedir as contas pois ja faz 1 ano que estou la.
estou fazendo tratamento, por enquanto estou usando a bombinha do sabutamol mais a medica ja trocou para o alenio (qual spero chegar na farmacia de alto custo)e toda vez que vou no medico eles dizem que não tenho nada só pelo fato de meu peito não estar chiando, mais mesmo assim sinto que não estou conseguindo respirar direito o que posso fazer em relação a tudo isso
muito grata pela atenção

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jessica: não tenho condições p/opinar sem conhecer o tipo de sua asma. O tratamento correto da asma permite que controle a doença e uma melhor condição em seu trabalho. Mas, Salbutamol não trata, apenas alivia crises. A sua médica tem razão ao indicar a substituição pelo Alenoa. Enquanto não consegue no programa de alto custo, peça a ela para indicar você ao programa de venda com desconto. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

meu nome é luciane tenho 28 anos desde os 3 tenho asma ,faço tratamento com alenia 12/400 mg a 6 anos mais de um ano pra cá percebo que me sinto sufocada, com falta de ar principalmente quando ando na rua, já conversei com a pneumologista , já fiz espiriometria e ela disse que o exame esta constando que a asma esta controlada não entendo o que ocorre comigo

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Luciane: se os sintomas da asma persistem, é importante pesquisar se há algum fator agravante que possa estar passando despercebido e que impeça sua melhora. Infelizmente não tenho como fazê-lo através da internmet. Aconselho que converse com seu médico e exponha sua preocupação e peça que a ajude nesta avaliação. Gratos por sua visita.

ANSELMO disse...

bom dia
estou procurando algumas respostas se puder me ajudar
o meu filho sempre teve bronquite, sempre se tratou com um baita de um especialista , na semana passada ele me comentou q estava com tosse seca e curioso q estava engasgando..como eh jogador de futebol profissional nao me preoculpei..porem na quinta ele veio passar o fim de semana conosco e na sexta la pelas 05hs da manha acordei com o barulho dele sem respiracao fazendo um baita esforco para tentar voltar a respirar nos assustamos muito e levamos ao especialista q a 6 anos nao iamos nele de volta o mesmo receitou uma enjecao e um antibiotico as crises ate melhoraram porem nao sessaram estou muito preoculpado pois qdo ele tosse fica sem ar o q eh isto

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Anselmo: o seu relato sugere que a asma (ou bronquite) do seu filho não está controlada. A tosse pode ser o único sintoma da asma evoluindo com dispneia (falta de ar) Passada a crise, aconselho que retorne ao especialista para que seja reavaliado e programado um tratamento contínuo para controle da doença e não apenas para alívio dos sintomas. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Olá.

Sempre que dou muita risada, tenho crises de tosse que chegam a me fazer pensar que vou morrer. Depois fico alguns dias com falta de ar. Sou fumante, mas mesmo antes de começar a fumar já sofria com isso. Já tive pneumonia alérgica uma vez, mas nunca mais tive crises significativas, a não ser quando dou muita risada. O que pode ser? Histamin é bom? Tem um limite pra tomar? Posso fazer inalação todo dia com soro? Obrigada! Bruna

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Bruna: o seu relato sugere que possa ser um tipo de asma. Se for comprovado o diagnóstico, necessitará tratamento especializado. O uso de Histamin e de nebulizações com soro não resolve o problema. Aconselho que procure um Serviço de atendimento especializado no tratamento das alergias para orientá-la de forma correta e adequada. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

tenho uma filha sdown, vive com uma tosse persistente, não sei se é bronquite ou se é tosse alérgica, poderia me informar

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A sua solicitação não pode ser atendida através deste aconselhamento na internet. Conto com a sua compreensão. Para indicar a causa da tosse de sua filha é essencialmente examiná-la pessoalmente. Estamos ao seu dispor na Policlínica, caso more no Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

olá, tenho 28 anos e asma, desde pequena sofro com problemas respiratórios, já fiz alguns tratamentos e larguei pois tinha que usar remédios e bombinhas e sempre eu esquecia de tomar e quando eu tinha uma melhora eu parava, pois não gostava porque eu engordava com os medicamentos, então na adolescência não tive muitas crises e fui levando pois tinha apenas crises esporádicas e ano passado foi o pior, em relação a minha saúde, pois a asma estava crônica e eu ia sempre na emergência e me passavam um monte de remédios, injeções e nebulização com berotec e atrovent de 4/4 horas eu engordei 10k e procurei um pneumo e ele me passou uma bombinha pra usar diariamente e hoje eu uso soh quando preciso,ele me passou pra um otorrino que constatou que tenho que fazer uma cirurgia de desvio e dos seios nasais. Eu gostaria de saber pq só depois de tanto tempo me falaram isso e se existe um tratamento sem remédios e se depois da cirurgia a asma vai continuar igual e se a asma não tem cura mesmo??? Não aguento mais. Lidiane, moro em brasília que a umidade é baixa, o clima péssimo e poeira demais!!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lidiane: a asma é uma doençade origem genética (hereditária), não tem cura mas pode ser controlada permitindo uma vida normal à pessoa. Contudo, o tratamento deve ser contínuo e não apenas para aliviar crises. Quanto à cirurgia não tenho condições para opinar, baseado apenas em seu relato e sem saber o diagnóstico do seu problema. Aconselho que exponha sua dúvida ao seu alergista - ele conhece seus dados clínicos e poderá orientar adequadamente. Agradecemos sua visita,.

Anônimo disse...

boa noite.

meu nome adriano,tenho 26 anos estou com uma tosse a mais de 2 meses ja passei por 3 clinicos fiz 3 tipos de exames baar,espirometria e raio x a espirometria deu um resultado de um disturbio restritivo leve o raio x e o exame de baar não constatou nada. o primeiro medico clinco fez alguns exames clinico e suspeitou de asma pediu a esperometria.disturbio restritivo leve.passou nebolizaçao com soro e fenoterol aliviou muito pouco. tive uma crise de tosse fui a ps e consultei com outro clinico apresentei todos exames ela me passou loratadina não aliviou nem um pouco mais pediu um exame de baar não deu nada fui a um teceiro clinico apresentei todos exames ele olhou ele falou antes de me encaminha para um pneumologista me receitou alenia logo de primeira ja aliviou gostaria de saber se eu posso ter como diagnostico a asma devo continuar tomando a dose indicada pelo clinico.

muito obrigado aguardo a resposta.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Os dados que envia não são suficientes para fazer um diagnóstico. É preciso conhecer seu histórico clínico de forma mais criteriosa. O caminho mais adequado é mesmo procurar um especialista. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica RJ. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Régis - Panambi/RS
Minha dúvida: sobre o medicamento Alenia, existe alguma relação entre este medicamento e o aparecimento de Trombocitopenia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Regis: Alenia é uma terapia combinada inalada para tratamento de controle da asma. O uso inalado é seguro e formulado de forma especial em doses mínimas (microgramas) e por isso atua diretamente nos brônquios, com mínimo de reflexos no resto do seu organismo, não sendo causa de trombocitopenia. Gratos por sua visita

Unknown disse...

Ola sofro com esse mal desde criança pego um resfriado e já vem a bronquite tenho tosse chiado dores nas costas sensação de fadiga pés e mão inchado ético tremula , dias normais fico bem mas não posso correr nem fazer esforço que me cansou rápido não sei se alérgica ou e asma me ajudem obrigada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Os sintomas que relata sugerem que voc~e tenha uma asma sem controle adequado. Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, estamos ao seu dispor.

•• ..Ana Langham.. •• disse...

OLá,estava fazendo uma pesquisa sobre meu problema e acabei chegando aqui...Recentemente tenho percebido que sempre que dou risada tenho um crise de tosse com catarro,minha garganta chega a ficar dolorida de tanto que chego a tossir.
Tenho também cansaço,agora está mais leve,mas antes eu perdia o folego só de andar e subir a escada.
Mas minha maior preocupação é a tosse após rir,será que pode ser algo grave?
Aguardo o retorno atenciosamente.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ana: a tosse que ocorre após riso pode ser um sinal de asma (ou bronquite) ainda que muito leve. Aconselho que procure um alergista. Gratos por sua visita.

Ana Lúcia disse...

Meu filho tem 2 aninhos, e ultimamente tem tido uma tosse que não pará, além do nariz ficar com secreção direto e um pouco de cansaço. Pode ser que seja asma? A 15 dias atrás ele tomou antibióticos e os sintomas já estão de volta. Me chamo Ana Lúcia. Gostaria muito da resposta.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ana Lucia: em primeira instância, na idade do seu filho, a tosse pode ser causado pela rinite, por asma, por uma infecção repiratória não controlada ou por refluxo gastro esofágico, entre outras hipóteses.Não tenho condições para afirmar sem examiná-lo.Aconselho que o leve ao alergista. Gratos por sua visita

Anônimo disse...

eu me chamo emilia e tenho asmas ou melhor dizer bronquite asmatica eu ja tenho uns tres anos que ando tendo crizes muito fortes estive gravida a dois anos atraz eu todos os dias eu ia ao ptonto socorro com crizes muito fortes algumas delas eu quase tive paradas respiratorias forao varias vezes e depois que eu tive o meu bebe eu tive mais dois começo de parada respiratoria e agora eu passo quase todo mes tomando corticoides eu ja nao sei o que fazer mais eu nunca tomei bombinha ate a gora so enjeçoes eu prescizode uma ajuda o que eu posso esta fazendo eu moro em candeis do jamari no estado de rondonia no norte
obrigado

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Emília: existem 2 tipos de medicamentos para tratar a asma: 1) remédios aliviadores para resgate das crises. Exemplo: corticóides para uso em comprimidos xaropes ou injeções e bombinhas contendo broncodilatadores. 2) remédios para controle da inflamação dos brônquios e para controlar a doença evitando crises. Exemplo: outro tipo de bombinhas contendo corticóides isolados ou associados a de ação longa. Estes últimos devem ser usados de forma contínua, mesmo que esteja bem. O melhor caminho é procurar um médico especialista em sua cidade Pode ser um alergista ou um pneumologista. Assim poderá não apenas tratar crises, mas controlar sua asma e melhorar sua qualidade de vida. Gratos por sua visita.

Camile Maltez disse...

Feliz em encontrar vcs!
Meu filho tem 2 anos e 5 meses e há uma mês vem tendo crises de cansaço, peito com chiado e uma coriza persistente. Já fomos a vários médicos e emergências. Ele já tomou muitos remédios, inclusive o predsin e o antibiótico. Todas as vezes que chegamos na emergência (em crise) sou informada de que ele está cansando, tenho dificuldade em identificar este processo.
Quais são as características mais visíveis para que possamos concluir que o paciente está mesmo tendo um crise de cansaço?
Já marcamos uma consulta com um pneumologista pediátrico, mas não conseguimos para logo.
Fico aflita!
Obrigada desde já!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Camile: nem sempre é fácil identificar cansaço em crianças pequenas que não sabem se queixar. Observa-se menor capacidade no brincar, cansando com facilidade, tosse insistente ao correr, brincar, rir, falar muito, chorar ou durante a noite. O alergista analisará o caso e realizará o exame físico da criança para identificar o problema e tratar de forma adequada. O atendimento em emergência apenas alivia momentaneamente o problema. Agradecemos sua visita e suas palavras que incentivam nosso trabalho voluntário neste blog. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

eu sempre tenho crises +frequentes em meu local de trabalho....trabalho numa loja de confecçoes isso pode ser a causa das minhas crises?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É uma possibilidade, mas antes de afirmar é essencial analisar seus dados clínicos e afastar outros fatores agravantes que possam estar envolvidos. O seu alergista poderá orientar no diagnóstico. Gratos por sua visita.

Luciana Teles disse...

Olá, meu filho tem 3 anos e meio e no início de março começou a estudar , desde então fica doente direto, foi diagnosticado bronquite alérgica, porém ainda não foi feito o teste de alergia, a alergista já passou a vacina, achei estranho pois são 10 doses é isso mesmo?, e também me preocupo por ele estar tomando muito remédio. A vacina de alergia engorda? Por favor tire minhas dúvidas, pois estou muito preocupada!!!
Desde já agradeço!!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Luciana: 1) a imunoterapia (vacina para alergia) é preparada pelo alergista e em geral contem de 5 a 10 doses em cada frasco. 2) Este tipo de vacina não causa aumento do peso Agradecemos sua visita.

Anônimo disse...

Olá!
ha ums 20 dias estouu tossindo muito e agora começei a sentir falta de ar, quando a tosse começa a se manifestar já vem a falta de ar e eu entro em desepero por naum conseguir respirar. fui ao médico e ele diagnosticou como bronquite alergica, mais eu gostaria de saber se é grave?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Bronquite alérgica ou asma é uma doença que pode ser tratada e controlada, permitindo uma vida normal. Contudo, é importante ressaltar que tratar não se resume a tratar crises. É importante procurar um alergista para orientá-lo nas medidas preventivas, imunoterapia e na medicação de controle. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos.

melany silver santos disse...

oi. o meu nome é melany e eu gostava de saber se há algum exercicio fisico que eu possa fazer. meu medico diz que nao, mas minha mae diz que poderá haver, pois eu nao consigo fazer educaçao fisica. mal começo um exercicio, fico logo com falta de ar, e nao me passa logo. por varias vezes tiveram, os meus colegas de chamar uma ambulancia, para eu ficar internada. queria saber se ha exercicio fisico que eu posso fazer? obrigada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Melany: para poder fazer uma atividade física, é preciso controlar sua asma. O tratamento pode controlar a doença e permitir que tenha uma vida normal. Mas, não se deve tratar apenas crises e sim tratar todos os dias, com medicamentos de ação controladora para evitar novas crises. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos.

katy disse...

Oi meu filho tem 5 anos, e a 2 anos e meio e começou a ter falta de ar, ficar cansado e reclamar que o coração estava doendo, levei ao medico asma, de lá pra cá, já foram varias crises, já ficou algumas vezes internado, agora ele faz tratamento tomando vacinas que são caras e um remedio Singular 1 comprimido por dia, ah 3meses que ele está fazendo esse tratamento estava indo super bem,ms hoje ele acordo com falta de ar, levei ao pronto socorro fez 3 inalação, e uma injeção de cordicode isso pela manhã, agora ele está novamente cansado e reclamando de dor no peito será que levo novamente ao hospital??
Essas vacinas vão dá resultado, pq são tão caras e ele estão entrando em crise novamente???
Obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

katy: se mesmo com a medicação seu filho não teve melhora, é aconselhável que volte ao pronto socorro. Mas depois entre em contato com o seu alergista pois conhece seu caso e poderá orientar a causa dessa crise que apresentou. O tratamento com a vacina para alergia (imunoterapia) é demorado mas pode modificar a história natuaral da asma e controlar as crises diminuindo a necessidade do uso dos remédios, com o passar do tempo. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

É tbm não estou sabendo o que fazer comigo mesma ,pois estou a quase 1 mês tossindo muito e principalmente depois das 16:00 piora,se vou fazer qualquer coisa dentro de casa e fico cansada me dá uma crise de tosse, se estou conversando ,se vou rir ,até quando me abaixo para pegar algo no chão,sei que estou acima do peso mais não sei se isso tbm interfere...mais as crise de tosse é constante,chega ao ponto dos vizinhos fazer remédios caseiros ,pois já tomei 3 vidros de PREDNISOLONA de 3mg/ml e NÃO melhorei,não sei mais o que fazer.
Minha mãe disse que quando eu era criança eu tive muitas crises de bronquites e só uma injeção me dava jeito,mais nem ela sabe mais qual a injeção e outra não posso viver de injeções .... bem não sei o que fazer ,Mais agradeço a atenção de vcs!!!

Meu nome é Lane

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lane: compreendo sua dificuldade mas não tenho condições para orientar seu tratamento baseado apenas no seu breve relato e sem examiná-la pessoalmente.Os medicamentos que refere são apenas aliviadores de sintomas. Mas, é preciso analisar seus dados clínicos, pesquisar se existe algum tipo de fator agravador ou alguma complicação da doença que possa interferir na sua asma e impedir sua melhora. O ideal é procurar um especialista para orientá-la caso more no Rio, a nossa equipe está ao seu dispor na Policlínica RJ. Gratos pela visita.

Ingrid disse...

Ola!
Estou crises de tosse (seca) há quase 2 meses. Fui ao médico e ele disse ser tosse alérgica. O problema é que a tosse surge ao menos estímulo.. E cada vez que começo a tossir, sinto ardência e dor por causa do esforço.
Não sei mais o que fazer!
Será que alguém pode me ajudar? =[

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ingrid: a expressão “tosse alérgica” é empregada quando o sintoma surge em consequência de uma doença alérgica. Por exemplo, uma rinite alérgica pode ocasionar a chamada secreção pós nasal, ou seja, gotejamento de catarro da parte posterior do nariz em direção à garganta e ocasionar tosse.No caso, pode ser chamada de "tosse alérgica" mas a causa é a rinite, que precisa ser tratada. Por isso, para tratar sua tosse é essencial examiná-la e definir a causa do sintoma. estamos ao seu dispor na Policlínica RJ. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Minha falta de ar é tanta que estou fazenda inalação somente com berotec, sem soro....qual os riscos??

Anônimo disse...

o alenia faz efeito em fumantes

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fumar agrava a asma e impede sua melhora. Sendo assim, os remédios não controlam a asma de forma adequada nos fumantes. É importante que o asmático não fume e que outras pessoas não fumem ao seu lado. Gratos pela visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Nebulizar com berotec apenas serve para aliviar sintomas mas não trata sua asma. É importante que procure um tratamento especializado para combater a inflamação brônquica, controlar a doença e evitar crises. Estamos ao seu dispor na Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Olá, minha filha está tossindo há 5 meses, que começou em uma viagem onde ela entrou em contato com uma grande quantidade de poeira.

Após 2 meses sentia bastante falta de ar e tosse. Agora está sendo tratada como asma, fazendo tratamentos com broncodilatadores.

A falta de ar melhorou muito porém a tosse continua. Esta tosse é uma mescla de tosse seca e tosse com secreções claras. Ela não apresenta crises, mas as tosses são constantes durante todo o dia, porém, desaparece durante o sono.

Mesmo desaparecendo durante o sono esta tosse pode ser asmática ou a maior probabilidade é que seja emocional?

Obrigada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Para pesquisar a causa de uma tosse, é necessária uma consulta tradicional onde o médico analisará os dados clínicos de sua filha, julgará os fatores envolvidos, a examinará e, se for necessário, solicitará exames. Por isso, não há como orientar um tratamento ou opinar sobre a causa da tosse de sua filha através de um aconselhamento na internet, sem examiná-la pessoalmente. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Meu filho tem crises de bronquite desde bebê e nao passa um mês sem crise. Sempre tiramos ele da crise com aerolin e predisin. É possivel tirar ele da crise sem medicar com predisin, isto é medicar com aerolin por alguns dias acompanhando a evolução. Ou a única maneira de sair da crise é com corticóides ?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O tratamento das crises moderadas e intensas de asma inclui o uso de medicamentos aliviadores para resgate das crises como broncodilatadores (por exemplo - salbutamol) e corticosteróides sistêmicos (por exemplo - prednisolona). Mas, o ideal é iniciar um tratamento de prevenção para controle da asma, assim que sair da crise, para evitar novos episódios. Gratos por sua visita.

admin disse...

Olá, Meu nome é Thiago 24 anos, sou bastante atlético e tenho uma vida saldável. Quando criança tive bronquite asmática, fiz sirurgia de amigdalite e adenóide. Desde então após os 7 anos de idade nunca mais tive nenhum sintôma dessa doença. Só agora com 24 anos, há dois meses atrás começei a sentir uma tosse que depois veio acompanhada de dificuldade de respirar e falta de ar. Já fui em 1 clínico geral ele disse que eu não tinha nada e que o meu pulmão estava saturando 100% em oxigênio. Fui ao um otorrino ele me disse que eu estava com sinusite, depois fui a um pneomologista e ela me disse que eu estava com bronquite, afinal o que será que é? A pneumo me receitou Foraseq de uso contínuo e corticóide por 10 diasa e lavagem do nariz com soro fisiológico. Dia 22/8 tenho uma tomografia computadorizada do torax que ela pediu pra mim fazer, será que pode ser alguma coisa séria? A única mudança de vida que tive foi que a 10 anos estive morando nos estados unidos, mudei para o Brasil tem dois anos e trabalho em uma siderurgia a 8 meses em umas das áreas mais agressivas la dentro, contém muita poeira, poluentes químicos, alcatrão, benzeno etc... Será isso uma explicação para o que estou sentindo? Obrigado

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Thiago: não tenho condições para emitir um parecer específico sobre seu caso sem examinar pessoalmente. Contudo, lembro que a asma (ou bronquite asmática) é uma doença que pode ficar por muitos anos sem se manifestar e depois reiniciar com sintomas. A conduta da sua médica está adequada, pois iniciou com tratamento e também avaliou se existem outros problemas associados. Aconselho que converse com ela e exponha suas dúvidas. O diálogo e a confiança são a base para o sucesso do tratamento. Mantenha a medicação conforme foi orientado. Gratos pela visita ao nosso blog.

regiane disse...

Olá, meu nome é Regiane 29 anos e tenho asma desde os 7 anos, faço uso diario do alenia p\ controle da asma e não posso ficar nenhum dia sem tomar o remedio pois do contrario tenho crises, estou gravida e a minha obstetra disse que tenho que parar pois causa má formação ao bebe, mas da outra vez que estive gravida o médico me liberou a usar o remédio normalmente como a minha rotina.
Afinal de contas faz mal ou não ao bebe?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Regiane: é muito importante que sua asma esteja bem controlada para que a gestação ocorra de forma saudável, para você e para seu bebê. Não há problema no uso do Alenia na gestação. Mas, não deixe de fazer acompanhamento de sua asma com especialista a fim de poder controlar a doença e poder viver plenamente. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

ola meu nome e renan queria saber meu problema?
sempre a noite contece um ataque uma falta de ar meus peitos ficam chiando sempre mas sem tosse e tbm quando ataca da uma coceira nas costa quando dou uma risada bem forte estimando alegria mesmo, tbm vem o ataque. Queria saber oq vem a ser esse tipo de doença?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Renan: os sintomas que relata sugerem que você possa estar apresentando uma asma (ou bronquite alérgica) Mas, para afirmar é essencial examiná-lo pessoalmente. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos pela visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O aparecimento de crises mesmo com o uso da medicação indica que sua asma não está bem controlada e que seu tratamento precisa ser reavaliado. Aconselho que retorne ao seu alergista para uma nova avaliação e conduta. Gratos pela visita.

adriano disse...

só tenho tosse quando esfria. não tenho falta de ar. o que posso ter?reatividade brônquica ou bronquite alérgica? isso pode se tornar crônico?tenho 38 anos e nunca tive problema no pulmão e não sou fumante.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É provável que sua tosse resulte de hiperreatividade brônquica. Mas, não há como afirmar sem examinar pessoalmente Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos.

odilene lene disse...

olá !meu nome é odilene tenho 23 anos e estou preocupada pois ah 5 dias tenho sentindo muita falta de ar, tenho tosse com produção de um muco meio esbranquiçado, mas o que mais me desespera é a falta de ar...nao tenho ido trabalhar por conta disso, pois ah todo momento o ar fica muito fraco pros meus pulmões,jA sentir antes mas nada tao forte como agora.tenho a mania de respirar pela boca pois um lado do meu nariz parece q está sempre entupido. o cansaço tem tirado minhas forças de fazer um simples ato de escovar os dentes! o que poço fazer isso pode ser um sinal de asma...obg!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Odilene: a falta de ar é um sintoma que pode acompanhar várias doenças, não apenas a asma. Por isso, para fazer o diagnóstico é essencial examinar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos por sua visita.

adriano disse...

como se trata a hiperreatividade brônquica? é com corticóide inalado? obrigado!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Adriano: corticóides inalados fazem parte do tratamento da hiperreatividade brônquica. Mas, tratar vai muito além do simples uso de remédios. Cada paciente deve ser avaliado de forma plena, incluindo avaliação dos fatores que provocam e/ou mantem o estado de hiperreatividade. Por isso, a participação do médico especialista é essencial na resolução do problema. Obrigado pela visita.

Anônimo disse...

ola! Meu nome é João Victor e tenho 20 anos e fui diagnosticado com bronquite leve, nunca tive crises fortes, porem a um ano fiz um raio-x do torax e fui diagnosticado com hiperinsuflação pulmonar, e de vez em quando tinha que fazer uso de nebulizador, e essa semana tive que fazer quase todo dia, fui consultar com um pneumologista e ele me indicou bombinha por um mes para tratar e falou que a hiperinsuflação é por causa da bronquite e que conforme a bronquite for tratada a hiperinsuflação vai desaparecer.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Sonia: o seu relato sugere que você seja alérgica aos ácaros da poeira domiciliar e fungos (mofos). O tratamento deve ser feito não apenas nas crises mas de formas preventiva. Os remédios inalados usados para controlar a asma a longo prazo não engordam e são eficientes para evitar as crises. Infelizmente as nebulizações e injeções têm efeito apenas aliviador momentâneo dos sintomas mas não tratam a asma e não evitam novas crises. Na ausência do alergista, você pode procurar um pneumologista ou um clínico geral para orientá-la. Para encontrar um alergista na cidade mais próxima de sua residência, procure no site da Asbai (www.sbai.org.br) no setor "Localize seu especialista". Obrigado pela visita ao nosso blog.

Sirigaita disse...

Olá, gostaria muito da opinião do blog.
Tenho um filho de 4 anos que até entrar na escola era a criança mais saudável do mundo. Nunca tinha tomado um único antibiótico.
Pois bem, mas a vida tem que começar e ele iniciou na escolinha e começou uma série de doenças do tipo: sinusite, bronquite, gripe etc... No final de 2011 ele teve uma sinusite forte e tomou 10 dias de claritromicina. Ao final do tratamento ficou um pigarro/tosse que não passava. Levei em otorrino, alergista, pneumo e NADA...
Até que em fevereiro ele fez 10 dias de Klaricid e ficou bonzinho!!!
Em junho voltou o pesadelo. Mesmos sintomas. Tosse persistente. Sono ruim.
Voltou para o antibiótico e desta vez por 14 dias, com Klaricid. Na época, tb fez exames de alergia e não positivou a nenhuma substância alérgena (teste dos furinhos) embora o IGE tenha dado 63, ou seja, pouqinho alterado.
Agora em outubro a tosse voltou e tratou novamente, mas ficou o tal do PIGARRO.
A médica acha que meu filho tem asma. E ele passou a fz um tratamento com Singulair e uma aspiração diária com Seretide. Não vejo melhoras.
Gente, me ajudem!
O que pode ser isso! Se é asma, por que não passa com esses medicamentos? Se é refluxo, como se cogitou, por que o LABEL não deu jeito?
Pode uma criança ficar com um pigarro assim???

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Sirigaita: compreendo sua preocupação, mas não há como afirmar a causa dos sintomas do seu filho através da internet, sem uma avaliação criteriosa e pessoalmente. O seu relato sugere que seu filho possa ter um quadro de rinite. A rinite parece uma doença simples, mas na realidade pode provocar inumeras complicações como: sinusite, otite, amigdalites, bronquite ou asma. O nariz é o sensor do aparelho respiratório. Na verdade, vários fatores influem nas crises, sem contar que crianças pequenas tem características especiais, tendo imunidade imatura que predispões às viroses e infecções respiratórias.Crianças pequenas nem sempre têm testes positivos. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Olá! Meu nome é Fabiana, tenho 24 anos e sempre tive crises agudas de bronquite que duravam no máximo dois dias e se resolviam com simples inalações. Porém estou numa crise que já está durando 8 dias e não passo, faço inalação de 4 em 4 horas, acordo de madrugada sufocada e sem ar... Hoje mesmo para sair tive que levar o inalador na bolsa e pedir com urgencia para fazer inalação numa farmácia de shopping... Estou preocupada pois minhas crises nunca foram tão longas. Por favor me dê alguma opinião. Obrigada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fabiana: o seu relato sugere que o tratamento de sua asma está inadequado. A asma é uma doença crônica que se acompanha de inflamação nos brônquios. O problema é que essa inflamação permanece mesmo quando a pessoa não sente nada. Por isso, o tratamento não pode ser feito apenas nas crises, mas sim todos os dias. Você está apenas aliviando sintomas de crises, mas não está tratando sua asma. Os dados que envia sugerem que você precisa de atendimento médico. Aconselho que procure um alergista para orientá-la. Estamos ao seu inteiro dispor na Policlínica, caso você more no Rio. Gratos pela sua visita.

liah souza disse...

Comecei usar alenia tem um dia sinto como se tivesse algo agarrado na minha garganta isso é normal?e se eu tiver crises posso fazer nebolizaçao mesmo usando alenia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Liah: Alenia é uma medicação usada no tratamento de controle da asma, sob a forma de um pó para inalação. É importante que esta inalação seja feita com técnica correta e que logo após inalar, a boca seja lavada (fazer gargarejo e cuspir) O seu relato sugere que o medicamento não esteja sendo inalado de forma adequada, restando uma quantidade de pó depositada em sua garganta e originando o incômodo. Aconselho que procure seu médico, leve o inalador e aplique a medicação junto com ele. Não se deve fazer a nebulização utilizando broncodilatador (berotec ou aerolin) ao mesmo tempo do Alenia. Gratos por sua visita.

Fernando Teixeira disse...

Tenho renite, sinusite e asma. Operei de polipose nasal e a partir da ai, tenho sempre muita secreção, muitas vezes tenho que engolir por não conseguir cuspir.
Trato com alenia400 e budesonid100, mas observo q não melhora. É um ciclo que se repete até iniciar a asma, fico com falta de ar e não consigo fazer minha atividades, dai tomo algum corticóide, uma semana fico bom e volta tudo novamente.
Nos médicos que fui todos tentaram os mesmos tratamentos, mesmo dizendo que já tinha feito e não tinha tido resultado, no último me disse que tenho que conviver e quando tiver crise tomar medicamentos, então tenho que tomar continuamente!.
Será que nunca vou conseguir uma solução, mesmo que por um período longo????

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fernando: não tenho condições para julgar seu tratamento baseado apenas nos poucos dados enviados em seu relato. Lembro que tratar asma vai além do uso de medicamentos. É essencial conhecer cada paciente, avaliar e controlar quais são os fatores agravantes da doença, que variam em cada pessoa. Por exemplo, a rinite, a sinusite e a polipose nasossinusal são importantes fatores e se não forem bem equacionados, impedem o controle adequado da asma. Além disso, é preciso conhecer outros pontos, como: idade, condições de moradia e trabalho, se tem outras doenças, se usa outros medicamentos contínuos, etc. Por isso, para opinar é preciso fazer uma avaliação criteriosa e pessoalmente. Caso more no Rio, estamos ao inteiro dispor na Policlínica Geral RJ.

cbmimilk disse...

Achei esse site e fiquei super feliz em saber que não sou sozinha com a minha asma. beijos a todos.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Cbmimilk: Fico feliz em saber que podemos ajudá-la! Suas palavras são um grande estímulo ao nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia. Aproveito a oportunidade para convidar a assinar nosso blog e passar a receber nossos textos diretamente em seu e-mail Gratos pela visita.

Anônimo disse...

-Siani, 17 anos.
já tive bronquite asmática quando criança mas agora mesmo depois de anos eu acordo no meio da noite tossindo muito e quase me sufoco pq enquanto estou tossindo engulo muito ar só q não consigo "jogar pra fora", isso pode ser ela voltando? ja faiz mais de uma semana q isso acontece...

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Siani: a asma (ou bronquite asmática) pode ficar sem sintomas por longo tempo e depois voltar a ter crises. Não tenho condições para afirmar se é o seu caso sem examinar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista para orientá-la. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Oi,sou William tenho 28 anos estou fazendo tratamento com médico pneumologista,ela passou o remédio ALENIA 12/400 12/12 horas e as vezes sinto falta de ar na rua,fico desesperado para ir pra casa fazer nebulização com BEROTEC E ATROVENT,estou fazendo o uso do remédio a 10 dias e durante esses dias fiz o uso da nebulização uma vez, toda vez que saiu de casa fico desesperado para não entra em crise pois em casa fico mas seguro para fazer nebulização,esse remédio ALENIA E PRA CONTROLE? ou preciso de mas remédio de alivio de crise.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

William: é uma medicação inalada usada no tratamento de controle da asma. Trata-se da chamada “terapia combinada” pois contém num mesmo inalador, dois medicamentos: um broncodilatador (salmeterol – formoterol) e um corticóide inalado (fluticasona – budesonida). Os remédios em terapia combinada têm objetivo de atuar sobra a inflamação dos brônquios, controlando a doença e prevenindo as crises de asma. O uso do Alenia permitirá que não necessite mais das nebulizações. Convido que leia mais sobre o tratamento da asma neste link: http://blogdalergia.blogspot.com/2007/05/asma-atitude-tudo.html Agradeço sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Bom dia, meu nome é Claudia e tenho renite alergica muito forte, como moro no RS o clima muda muito, um tempo atras o medico me receitou budezonida para inalar, melhorou muito, mas agora começou novamente e quando me ataco o chiado no peito começa a aparecer e logo desaparece mas sem tosse, e ontem inalei o budesonida e acelerou o meu coração com tremores e friu, coisa que nunca tinha me dado antes, será que estou com asma? e será que foi o remedio que me fez mal? Tenho 27 anos, e moro no Rio Grande RS.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Claudia: 1) a rinite alérgica sem tratamento é uma causa da asma. 2) Não há como afirmar se você está com asma através da internet, sem examiná-la. Aconselho que procure um alergistapara orientá-la. 3) Se você tratar sua rinite de forma apropriada, evitará o aparecimento do chiado no peito 4) Budesonida é um corticóide para uso inalado, formulado em doses mínimas de forma que atue diretamente na mucosa e sem repercussões significativas no organismo Este medicamento não provoca efeitos colaterais cardíacos. Escreva para nosso e-mail (blogdalergia@gmail.com) e enviarei uma cópia em PDF do nosso livro sobre a rinite - "É mais feliz quem respira pelo nariz". Gratos pela visita.

Anônimo disse...

oi boa tarde eu sou a cintia tenho 30 anos ..tenho bronquite desde pequena ..mais tava controlada de 3 anos para ca parei de fumar e me atacou muito forte o bronquite ..nao consigo ficar sem o uso da bombinha de berotec...queria saber se essa bombinha engorda pq notei um almento no meu peso.. obrigada por me ajudar

P. a Menina dos olhos de Deus disse...

Ola, tenho 28 anos e ultimamente sempre que começo a rir muito não respiro direito e logo em seguida tenho crise de tosse. Sinto a garganta seca tambem. O que pode ser?

Anônimo disse...

Bom dia, meu nome é carla, tenho 39 anos e tenho asma desde que o meu filho nasceu a 17 anos atras..As minhas crises me levavam a ficar hospitalizada no balão de oxigênio...no começo as crises era a cada dois dias e ate uma semana de espaço entre uma crise e outra...depois passei a ter crises a cada duas horas e depois foi piorando...Minha sogra então me levou ao Hospital Gafree Guinle- na Tijuca ...Fomos a um pneumologista...fiz os exames respiratórios e ficou confirmado que eu tinha asma crônica...Ele me receitou um único médicamento.( Alenia 12/400 ) é uma espécie de bombinha usada pela manhã e a noite, o que não permite vc ter crises...Eu nunca mais tive uma crise...O único problema é que é um medicamento caro...hoje ele está custando 120 reais, eu faço uso de uma bombinha por mês...Recomendo que procurem um bom pneumologista.Depois que fiz isso nunca mais senti o desconforto de ficar tentando encontrar ar para respirar, nem de ficar tremendo, com taque cardia e outros desconfortos dessa doença...Saúde para todos!!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Cintia: infelizmente, o seu tratamento não está correto. Berotec apenas alivia sintomas mas não trata nem controla sua asma. É importante que procure um alergista para orientar seu tratamento de forma que consiga evitar as crises e ter uma vida normal. Caso more no Rio, estamos ao seu dispor. Peço que escreva para nosso e-mail: blogdalergia@gmail.com para que eu possa orientar melhor. Gratos pela visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

P: não tenho condições para afirmar a causa de sua tosse sem examinar pessoalmente. A asma (ou bronquite) pode se manifestar apenas com tosse que piora após riso, esforço físico ou à noite. Aconselho que procure um alergista para orientá-la. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos.

Rosangela Sants disse...

Olá, boa noite!
Fui diagnosticada como asmática a dois anos, quando tive uma crise que pensei que morreria.
Fiz o tratamento com uso de bombinha"Smbycort" usei Nortex para vias nasais.
Depois disso, dependendo se estou em contato com pó, pelo de animais, e com sinusite, eu sinto falta de ar e o peito parecendo trancado, porém sem a crise forte.Meu pneumologista mudou da cidade, e quando sinto a falta de ar, eu entro em pânico, tento equilibrar-me, tenho feito caminhadas, não fumo, não bebo bebida alcoólica, tenho tentado prevenir-me, o problema é quando ocorre isso, não sei se trato da sinusite ou da asma... simultaneamente. Poderia comentar de que forma posso ter os sintomas, e não entrar em pânico? Desde já Obrigada-Rosangela

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Rosangela: Symbicort não é uma medicação para crises. É indicada para o tratamento de controle da asma. Por isso, deve ser inalada todos os dias, mesmo quando a pessoa está bem para evitar as crises. Ao mesmo tempo é importante tratar sua rinite que origina a sinusite , que por sua vez impede o controle adequado da asma. è importante que seu tratamento seja feito não só nas crises, mas sim continuamente para controlar sua asma e evitar crises. Escreva para nosso e-mail caso persistam dúvidas. Gratos pela visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Carla: infelizmente ainda são muito poucas as medicações oferecidas gratuitamente na farmácia popular e pelo governo nos hospitais. O ideal é que, da mesma forma que na hipertensão, no diabetes, Aids, etc a asma também tivesse a medicação ao alcance de todos! Tratar a asma corretamente evita as crises e o sofrimento. A ABRA (Associação Brasileira de Asmáticos) realiza reuniões mensais na Tijuca de Março a Novembro na Ria Conde de Bonfim 255 nas ultimas segundas feiras de cada mes, de 14 às 16 horas, para orientar os asmáticos e lutar pelo direito de todos. Convido que vá participar deste trabalho. Visite: www.asmaticos.org.br
Agradecemos seu depoimento ao nosso blog.

Anônimo disse...

~gostei muito das informaçoes, só gostaria de saber o que fazer quando a asma é provocada pelo frio. maria s.g.ferreira. estado do pará

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Maria: a asma é uma doença de causa genética onde fatores do ambiente e fatores constitucionais da pessoa influenciaráo sobremaneira no aparecimento de sintomas. O frio pode ocasionar crises, mas não é a base da doença. Na maioria das vezes, se a asma está bem controlada, a pessoa pode conviver em locais frios sem problemas. Aconselho que converse com o alergista que trata de sua asma e peça que avalie e oriente seu caso. Agradecemos sua visita e convidamos que assine nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Eu tenho bronquite asmatica e tou tendo umas crises muito forte que nao posso tussir que eu perco a respiracao fico alguns minutos sem respirar e muito ruim o que eu faço ?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Bronquite asmática ou asma são a mesma doença. O primeiro passo é procurar um especialista para que você seja orientada a tratar a asma e não só amenizar os sintomas das crises. A asma é uma doença que se acompanha de uma inflamação nos brônquios que permanece mesmo quando a pessoa não sente nada. Vamos comparar com o tratamento da hipertensão arterial: a pessoa tomas seu remédio todos os dias e não apenas quando a pressão sobre. Assim deve ser na asma: o alergista vai te ensinar a tratar todos os dias e assim conquistar qualidade de vida e não ter crises. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos por sua visita.

Fernando Oliveira disse...

Olá meu nome é Fernando moro no Rio Grande do Sul na cidade de Pelotas e é a segunda cidade mais umida do mundo. Minha filha fez testes e a alergia deu MOFO, ACARO E FUNGOS. Minha filha tem quatro anos. Sempre que há uma mudança de temperatura minha filha tem crises asmatica, Gostaria de saber se eu me mudar de região que não seja muito frio e nem muito quente melhoraria?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Fernando: não existe um "clima ideal" para alérgicos. Algumas pessoas se beneficiam em locais mais úmidos, outros em locais mais secos. O ideal é que se possa escolher por uma cidade menos poluída e que perita vida ao ar livre e atividades físicas. E, uma atenção especial ao ambiente das casas, uma vez que a poeira provocadora de crises (tanto da asma como da rinite) é a poeira domiciliar, sendo o ácaro um dos seus principais alérgenos. Aconselho que peça orientação ao alergista que trata de sua filha pois conhece seus dados clínicos, estando apto para dar uma opinião mais específica para seu caso. Gratos pela visita

dayane alves disse...

Ola , tem dois dias q minha filha de 6 meses foi diagnosticada com bronquite alergica, esta tomando 2 remedios (aerolin e predinisolona), é o segundo dia que ela esta tomando mas contia tossindo muito ,isso é normal? ou será que eu devo leva-la novamente ao medico?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Dayane: em geral, o efeito da medicação pode ser notado após 48 a 72 horas de uso. O estado geral da criança deve ser observado: se está respirando calmamente ou se mostra dificuldade para respirar. Se está dormindo bem, se está tranquila e como se alimenta. Observar o tipo da tosse, se os acessos pioraram ou se vomita acompanhando a tosse. Caso note alteração, é recomendado retornar ao médico para uma nova avaliação. Gratos pela visita.

Produtos Digitais disse...

Olá! Gostei das informações do site.

Tenho uma dúvida. Eu tive alergia nasal e fui ao médico, e ele me receitou os remédios devidos, mas não me receitou nenhum tipo de bombinha para usar e eu disse a ele que tinha dificuldades de respirar devido ao vias respiratórias obstruidas e respirava muito pela boca.
Minha alergia nasal melhorou mas logo em seguida veio a asma ou bronquite. Não sei ao certo. Só sei que agora estou usando bombinha por minha conta todas as noites e tem me dado um alivio imediato Só uso quando realmente sinto muita falta de ar. E agora minha consulta será no dia 19 deste mes. Como devo proceder? O mais interessante é que ataca de madrugada na entre 3:00 e 3:30. Acordo com muita tosse e de manha taambém, as vezes tenho tido tosses fortes por pouco tempo e durante o dia não sinto nada. Tomo xarope de malagrião e me alimento bem e tomo suco de laranja, limão, e tenho tomado cebion também para garantir.
Gostaria de saber se posso continuar usando a bombinha as noites sem problemas.
Obrigado

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Nem toda bombinha é igual. Na verdade a palavra "bombinha" é um "apelido" que significa apenas o dispositivo usado, ou seja o aerossol (spray). Existem "bombinhas" contendo medicações aliviadores: você não citou o nome e presumo que seja o tipo que está usando. Mas, também existem "bombinhas" contendo medicações para tratamento da asma. Estas não tem efeito nas crises e devem ser usada diariamente de forma contínua a fim de prevenir a piora da asma. O uso inalado é seguro e formulado de forma especial em doses mínimas (microgramas). Por isso, atua diretamente nos brônquios, com mínimo de reflexos no resto do seu organismo e não tem os mesmos efeitos colaterais dos comprimidos e xaropes. Aconselho que retorne ao seu alergista e peça que oriente a medicação correta e adequada para seu caso. Agradeço sua visita e aproveito a oportunidade para convidar a assinar nosso blog e passar a receber nossos textos diretamente em seu e-mail

Toni Reis disse...

qual o melhor medicamento o alenia ou o fluir.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Toni: Alenia é uma medicação inalada usada no tratamento de controle da asma. Trata-se da chamada “terapia combinada” pois contém num mesmo inalador, dois medicamentos: um broncodilatador (formoterol) e um corticóide inalado (budesonida). Os remédios em terapia combinada têm objetivo de atuar sobra a inflamação dos brônquios, controlando a doença e prevenindo as crises de asma. Fluir contem apenas o broncodilatador (formoterol), ocasionando alívio de sintomas, mas sem o efeito de controle e prevenção das crises.

Juliana Yumi Yagui disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Juliana: a asma bem controlada não provoca danos irreversíveis à sua saúde. Fique tranquila, mantenha o tratamento. converse com seus médicos, esclareça dúvidas e temores. Assim poderá ter uma vida saudável. Gratos pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Ola,meu nome é Henrique. tenho 36 anos e nunca tive problema de bronquite
Mas ha duas semanas que venho tendo serious problemas pra dormir, tosse seca, falta de ar, " chiado" no peito, etc. Todos sintomas da asma. Minha casa esta rodeada de pinheiros e toda a casa esta coberta de pollen, sera alergia ao pollen ? Nunca tive isso antes e é meu primeiro ano nessa casa. O que posso fazer? Ha dois Dias que tomo Claritin pra dormir

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Henrique: o parecer que solicita não pode ser emitido através da internet. Para fazer o diagnóstico é essencial examinar pessoalmente. Aconselho que procure um alergista para orientá-lo de forma apropriada. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Olá ! Meu nome é Thais.

Tenho 14 anos e estou usando alenia há 2 anos praticamento todos os dias uso uma cápsula por dia geralmente. Fiz natação ano passado e me ajudou um pouco, e eu conseguia ficar até 4 dias sem usar o alenia, infelizmente eu não conseguia ir com frequencia para as aulas de natação, pois sempre qe eu ia ficava gripada e atacava minha rinite e sinusite alérgica. Gostaria de saber se devo procurar algum médico para me indicar outro tratamento, e também não sei quais efeitos colaterais esse medicamento pode me causar devido ao uso "contínuo".

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Thais: Alenia é uma medicação é uma medicação inalada usada no tratamento de controle da asma. Trata-se da chamada “terapia combinada” pois contém num mesmo inalador, dois medicamentos: um broncodilatador (formoterol) e um corticóide inalado (budesonida). Os remédios em terapia combinada têm objetivo de atuar sobra a inflamação dos brônquios, controlando a doença e prevenindo as crises de asma. O uso inalado é seguro e formulado de forma especial em doses mínimas (microgramas). Por isso, atua diretamente nos brônquios, com mínimo de reflexos no resto do seu organismo e não tem os mesmos efeitos colaterais dos corticóides usados sob a forma de comprimidos e xaropes. Alenia deve ser usado todos os dias, duas vezes ao dia, mesmo que você esteja bem, até que sua asma esteja bem controlada. Estamos ao seu dispor na Policlínica Geral RJ Gratos pela visita.

Anônimo disse...

oi.. meu nome é maycon , tenho 17 anos e desde quando nasci tenho bbronquite asmatico , sofro mt com isso , principalmente na epoca de frio , só quem tem essa doenca sabe o quanto é horrivel isso .. agora sao 2:30 da madrugada , e estou com crise , estou fazendo inalacao ,para amenizar os sintomas , mas mesmo assim , eh horrivel , amanha tenho que trabalha cedo , preciso de ajuda , nao quero mais passar por isso , por favor alguem me ajuda .. desde ja agradeco !!!

Anônimo disse...

Olá. Tenho 27 anos e gostaria de saber se há problema em usar o alenia perto de uma nebulizaçao de soro com brometo de ipratrópio. Na verdade tem 3 h de diferença, mas tenho medo de usar essa dosagem muito proximo de outra medicaçao.
Posso usar sem problemas.? Precis dormir e meu peito esta apertado.
Obrigada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Os broncodilatadores contidos nos medicamentos Alenia e brometo de ipratrópio pertencem a classes diferentes e por isso podem ser aplicados simultaneamente. Gratos pela visita

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Maycon: a asma pode ser tratada e controlada, mas necessita de um acompanhamento regular com médico especialista e medicação diária. Convido que leia o texto: http://blogdalergia.blogspot.com/2007/05/asma-atitude-tudo.html Caso more no Rio, convido que venha assistir as reuniões da ABRA no Rio de Janeiro, realizadas mensalmente no auditório à rua Conde de Bonfim 255 (próximo à Praça Saens Pena) na ultima segunda de cada mês, de 14 às 16 horas (de março a Novembro). Escreva para nosso e-mail e se informe sobre a ABRA em outras capitais brasileiras. Gratos pela visita

elizabete disse...

temho bromquite asmatica e uso a bombinha e seretide mais não estão adiatando tenho crises diarias e o meu medico falou que não vai mudar o medicamento sera que tem um tratamento mais especifico que não precise tomar esses medicamentos tão caros pois não tenho condições de comprar esses medicamentos obrigado

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Elizabete: existem diversas opções de tratamento da asma (ou bronquite asmática) Mas, para responder sua pergunta é essencial examinar pessoalmente, já que é preciso conhecer o seu tipo de asma, intensidade das suas crises, fatores agravantes envolvidos, suas condições de saúde, se usa outros medicamentos para tratar outras patologias, etc. Estamos ao seu dispor na Policlínica Geral do Rio de Janeiro para poder orientar de forma adequada. Gratos por sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

meu nome e Claudia tenho 42 anos e depois que minha vó faleceu tive uma crise respiratotia muito e desse dia pra ca so vivo no hospital trato com otorrino ele ja me deu varios remedio mas nada adianta e isso dura 5 anos ja não saio mais de casa não posso sentir cheiro de nada hj comecei tomar asmax que meu medico passou mas hj mesmo tive uma crise so que nao tenho chiado no peito so sinto a garganta queima como se tivesse inalado fumaça vou no grasto daqui 3 mesme mas ja estou ficando com medo pois faz 5 anos que minha vida passa so atravez do meu quarto o que devo fazer nem a bombinha resolve

Ana Carla Oliveira disse...

Bom dia .Gostaria de saber se o que tenho é realmente asma. Fico com muita falta de ar quando faço exercícios físicos , quando entro em contato com puera ou mofo. Quase morro sem ar . Estou vindo agora do pronto socorro , gostaria de saber se é asma mesmo ? Quando choro muito também ataca . Começo a espirrar e pronto . Me ajudem .

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Claudia: infelizmente não posso ajudá-la pois não é possível fazer um diagnóstico pela internet sem conhecer seus dados clínicos de forma criteriosa. Mas, pode nos procurar na Policlínica Geral RJ e teremos prazer em ajudá-la. Agradecemos sua visita ao nosso blog

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ana Carla: o seu relato sugere que possa ser um caso de asma, mas não há como afirmar pela internet, sem examinar pessoalmente. aconselho que procure um alergista Estamos ao seu dispor. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Tenho 12 anos e tenho a bronquite desde de muito nova mais ou menos começou quando eu tinha 5 anos é muito ruim desde nova isso me atrapalha muito já tive até de ser internada devido a doença e a no meu caso a doença não passa com o tempo e nem ameniza e muito ruim faço nebulização com berotec e atrovente... beijo galera melhorar pra vocês e pra mim também... rsrsrs

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É um mito pensar que a asma desaparece espontaneamente com a idade. Infelizmente isso ocorre em apenas um pequeno número de casos. É essencial que seja feito o tratamento de forma adequada para controlar a doença Contudo, Berotec e Atrovent são medicamentos aliviadores de crises mas não tratam e nem previnem crises de asma. Estamos ao seu dispor na Policlínica, caso voocê more no Rio. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Amei o blog..Tenho asma desde crianca,passei a adolecencia sem crises,depois me casei e adotei uma coelhinha,ai comecou as crises,falta de ar,chiado no peito e tosse,mas na minha ultima crise,ontem,fiz nebolização que melhorou a respiração,mas fiquei commuita dor nos pulmões,na frente e atras,gostaria de saber se e por causa sa asma ou da tosse?Muito obrigado.Parabens pra vocês.Bjus ELYS PRISCILA MACAIBA-RN.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Elys: não tenho condições para afirmar a causa da dor pela internet, sem examinar pessoalmente. Aproveito para lembrar que asma não se trata apenas nas crises. É essencial que o tratamento seja mantido mesmo quando você não sente nada, com objetivo de controlar a doença e evitar crises. As nebulizações com berotec apenas aliviam sintomas mas não tratam sua asma. Convido que leia o texto: "De bem com a asma, em qualquer idade" no link:
http://blogdalergia.blogspot.com/2007/03/de-bem-com-asma-em-qualquer-idade_19.html
Gratos por suas palavras de incentivo ao nosso trabalho voluntário neste blog. Volte sempre!

Anônimo disse...

Oi meu nome e miriam e tenho bronquite desde que nasci tenho uma filinha de 2anos e ela também deu bronquite o medico pediatra disse que essa doença e ereditaria e verdade. E oque fazer pra ela ter uma qualidade de vida melhor.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Miriam: a asma (ou bronquite) é uma doença de origem genética que se acompanha de uma inflamação nos brônquios que permanece mesmo quando a pessoa não sente nada. Por isso, o tratamento deve ser feito todos os dias e não apenas nas crises. É improtante tratar com médico especialista, conhecer a doença, o tratamento e as medidas de prevenção pois tratar não se resume a tomar remédios. O tratamento adequado permite controlar a doença e conquistar uma vida normal e saudável. Caso more no Rio, estamos ao seu dispor. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Boa tarde! Meu namorado tem 28 anos e tem asma desde novinho e o medicamento que ele usa é o Alenia. So que por varias vezes ele acorda de madrugada sem ar, a garganta fecha e ele fica tentando encontrar ar por varios segundos. Ele esta preocupado. O que vc me diz disso? É da asma? Estou muito preocupada. Porqur quando ele fica assim parece que vai morrer. Peço ajuda.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato sugere que a asma do seu namorado não está bem controlada, a despeito do uso do medicamento. É aconselhável que ele retorne ao médico para nova avaliação e conduta. Vale ressaltar que tratar asma não se resume a usar remédios e deve incluir o controle do ambiente de sua casa contra ácaros da poeira, combate aos fatores agravantes da doença e medidas de reabilitação respiratória. Por isso, é essencial que seu namorado asmático seja examinado pelo médico especialista periodicamente. Estamos ao dispor, caso more no Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

Ola!Tenho 29 anos e tenho asma desde criança.Passei a infância e adolescência toda fazendo inalação em casa (inclusive durante a madrugada)e alternando entre bombinhas e corticóides.Hoje tomo Alenia há cerca de 5 anos, somente pela manhã...não tive mais crise desde então, mas percebo que não consigo ficar um dia sem tomar o Alenia, que já sinto uma dificuldade grande de respirar!Minha dúvida é:
Alenia é um remédio de uso continuo?Sendo a asma, algo que não tem cura, posso tomar este remédio para o resto da vida, ou com o passar do tempo ele já não vai fazer o efeito de hoje?
Muito obrigada! Lilian

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lilian: a asma é uma doença contínua que se acompanha de inflamação nos brônquios, que permanece mesmo nos períodos em que a pessoa não sente nada. Por isso, o tratamento não pode se limitar às crises, mas deve ser contínuo. Alenia é uma medicação inalada usada no tratamento de controle da asma. Trata-se da chamada “terapia combinada” pois contém num mesmo inalador, dois medicamentos: um broncodilatador (formoterol) e um corticóide inalado (budesonida). O uso inalado é seguro e formulado de forma especial em doses mínimas (microgramas). Por isso, atua diretamente nos brônquios, com mínimo de reflexos no resto do seu organismo e não tem os mesmos efeitos colaterais dos corticóides usados sob a forma de comprimidos e xaropes. Pode ser usado com segurança por tempo longo (variável de acordo com a necessidade de cada paciente). Convido que leia mais neste texto que publicamos em 2010: http://blogdalergia.blogspot.com/2010/02/esclarecendo-duvidas-sobre-cortisona.html Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Ola, minha asma comecou aos 34 anos e nao tenho caso de asma na familia, quando comecou eu nao sabia o que eu tinha , passava muito mal nao conseguia respirar, meu marido corria comigo para o hospital e chegando la eles me aplicavam uma injecao de calmante , dizia que eu estava com sindrome do panico, foi assim por meses ate que piorei, ai me levaram a outro hospital onde foi diagnosticado bronquite asmatica. Hoje aos 38 anos tenho polipose nasal avancados nas duas narinas, so respiro pela boca, tenho uma cirurgia marcada para 5 de agosto, mas tenho muito medo ,pois meu medico disse que por causa da anestesia se eu tiver uma crise de asma meu pulmao pode fechar. Fazia uso dos medicamentos seretide, deslorotadina, cefalium, busonid, soro para limpeza 0,9% mad o medico mandou eu parar de usar ,usar apenas o busonid. O que vcs me aconselham a fazer. Tenho medo

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Infelizmente não é possível emitir um parecer ou opinar sobre seu tratamento através da internet, sem examinar pessoalmente.Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos

Aniuzo Magalhães disse...

Boa noite Dr.!!

Sinto que minha respiração está um pouco pesada. Fico sempre bocejando e tentando respirar profundamente, é como se eu estivesse feito alguma atividade física. Pedi para minha esposa encostar o ouvido em minhas costas e tentar ouvir, e quando respiro normalmente não se ouve sibilo algum, mas quando respiro bem profundo e com muita força, ouve-se um pequeno barulho e as vezes até ouso roncar pela boca, como se estivesse com um catarro grudado na garganta. Aqui onde moro não tem especialista, portanto consultei um pediatra bem famoso aqui. De início ele disse que tenho asma, então recorreu a um teste de espirometria para confirmar. No entanto o teste de função pulmonar deu tudo normal. Ele disse que não posso estar com asma se o teste deu normal. Estou precisando de ajuda. O que o senhor pode dizer sobre isso?

Att,

Aniuzo Magalhães.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Aniuzo: não posso opinar especificamente sobre seu caso sem uma avaliação criterosa e pessoalmente. Mas vale lembrar que a prova funcional respiratória normal não afasta o diagnóstico de asma. É aconselhável que procure um especialista. Gratos pela visita.

Baú da Ana Paula disse...

Bom dia meu nome é ana paula e tenho bronquite alergica/asmatica desde os 10 anos de idade. Fazia muito tempo q ela não atacava, pois como passar do tempo percebi q minha btonquiute atacava qdo eo passava por momentos de stress...fiquei muitos anos sem nada apenas com algumas crises de rinite. Ocorre que ha 4 anos perdi uma filha e desde então desenvolvi depressão e engordei quase 15kg e desde então tem piorado minhas crises de falta de ar..uma duvida excesso de peso pode piorar a asma ou bronquite?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Ana Paula: a asma (ou bronquite alérgica ou bronquite asmática) é uma doença genética mas que sofre a influência de fatores ambientais e pessoais. A obesidade é um fator agravante da doença. Publicamos um texto sobre o tema. Convido que leia:
http://blogdalergia.blogspot.com/2007/07/asma-e-obesidade.html Agradecemos sua visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

Posso tomar dois remedios pra asma ao mesmo tempo ?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Escreva para nosso e-mail: blogdalergia@gmail.com informando quais são os dois medicamentos que refere Só assim será possível responder sua pergunta. Obrigado pelo contato com o Blog da Alergia.

Lea Donaldson disse...

Olá,toda vez que dou muitas risadas, começo a rir logo em seguida ... Tipo ouve um tempo em que quando estava tossindo não conseguia respirar ... antes de começar as tosses ... Tipo tinha rinite uma vez fui parar no hospital por causa do cheiro de um perfume (pelo menos acho que foi por causa do perfume) meu nariz começava coçar muito, meus olhos começavam a lacrimejar e fiquei com febre e etc ... depois que eu me recuperei disso tudo comecei a tossi muito, antes eu era do atletismo agora não aguento correr mais nem um min,o pessoal da minha sala de aula me apelidou até de tuberculosa pq já faz três anos que estudo com a mesmas pessoas e continuo sempre com a mesma tosse ... e teve uma vez que tossi bem muito e minhas pernas ficaram fracas, minha cabeça ficou tonta e quando vi estava no chão ... tipo estou com medo.. você pode me ajudar .. não gosto muito de ir ao hospital tenho muito medo de ter algo grave !

Anônimo disse...

Olaaá,Meu nome é Jessica.Adorei o site,e gostaria de saber o porque de,todas as vezes em que faço faxina emcasa logo após sinto uma dificuldade para respirar bem,uma falta de ar.Acredito que seja somente alergia á poeira.Será algo mais grave,como asma?obrigada,no aguardo .

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jessica: é provável que seja uma alergia à poeira e aos ácaros da poeira domiciliar. Mas, para afirmar se você tem asma, é essencial examiná-la pessoalmente. Estamos ao dispor na Policlínica RJ Obrigado pela visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lea: é provável que possa ser um caso de rinite alérgica associada a uma sensibilidade aumentada dos brônquios (hiperreatividade brônquica) Aconselho que procure um alergista para confirmar o diagnóstico e indicar o tratamento adequado para seu caso. Estamos ao seu dispor se você mora no Rio de Janeiro. Gratos por sua visita.

Day disse...

Olá estou com menos de 1 mês de gravidez e estou com crise de asma o que eu faço ??? Urgente!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Day: é aconselhável que você procure um alergista para tratar a crise e orientar seu tratamento durante toda a gestação. Infelizmente não é possível medicar pela internet. É essencial examiná-la pessoalmente. Estamos ao seu dispor na Policlínica Geral RJ

Heloísa Fernanda oliveira disse...

Desde o meus 7 anos tenho asma , hoje estou com 26 , e ha quase duas semanas estou com uma crise daquelas eu tomo Alenia 12/400 e ja tentei ficar sem mas não tem jeito , faço inalação a cada 6 horas e minha crise piora no frio tive que parar de trabalhar por causa da asma ja fui a um especialista , eu tomava Diprospan todo mês mas eu ficava cada dia mais inchada então parei de tomar r so uso o Alenia , é muito ruim ter asma , so quem tem sabe como é horrível as crises , muitas coisas que não podemos fazer .

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Heloísa: a asma é mesmo uma doença que pode ser bem complicada. Mas é importante buscar tratamento correto pois assim poderá conquistar qualidade de vida, controlar a doença e evitar crises. Se você mora no Rio, convido que conheça a ABRA: www.asmaticos.org.br Em S Paulo: http://www.sbasp.org.br/ Em Belo Horizonte: http://tudosobreasma.wordpress.com Em Vitória, na EMESCAN. Em todos os locais, a ABRA (Associação Brasileira de Asmáticos) é uma associação sem fins lucrativos que tem por objetivo ajudar o paciente a conquistar o controle e superar sua asma. Escreva para nosso e-mail caso queira saber mais sobre a ABRA. Abraços e melhoras!

Anônimo disse...

Por nada.Muito obrigada pela atenção!Meus parabéns pelo trabalho!!!Uma pena que a clinica não fica em minha cidade de Fortalela-ce.Mas ajudou muito,obrigada. :)

Anônimo disse...

Ola, tenho 62 anos e fumei durante 40 anos parei com 52 anos 2 anos depois comesei a sentir falta de ar, canssaço ao caminhar, falta de ar durante a madrugada e acordo com o travessero todo babado, fui ao medico e ele pediu uma espirometria e atraves do exame fui diaginosticado com enfisema, me receitou SPIRIVA RESPRIMAT mas comesei a sentir pior voltei ao medico e ele me receitou o ALENIA 400 que foi oque melhorou bastante mas mesmo assim quando faço esforço sinto muito cançasso e falta de ar, sera que o que eu tenho e enfisema ou asma ? qual é a diferença ? , Obrigado Gilberto.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Gilberto: o seu relato sugere que seja um caso de enfisema, mas não tenho condições para esclarecer sua dúvida, pois não é possível fazer o diagnóstico pela internet, sem examiná-lo pessoalmente. Convido que leia o texto que publicamos sobre o tema:
http://blogdalergia.blogspot.com.br/2008/08/parece-asma-mas-no.html
Gratos por sua visita.

Lidiane Arantes do Nascimento disse...

Que eu saiba, não tenho asma, mais estou com todos os sintomas citados lá em cima, o que eu tenho que fazer ? estou com muita dificuldade de respirar, e nem dormi esta noite de tão ruim que eu estava , me ajudem . Obrigado.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Lidiane: nem toda falta de ar é causada por asma: é essencial examiná-la pessoalmente para afirmar o que está ocorrendo em seu caso. Por isso, aconselho que procure um alergista para receber uma orientação apropriada. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Ola meu nome é igor e eu jogo na base do oeste f.c e tenho bronquite isso pode atrapalhar meu futebol?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Igor: grandes atletas têm asma (ou bronquite) O segredo é se tratar e manter a doença bem controlada. Gratos pela visita.

bigles21 disse...

Por favor me ajudem...... tenho falta de ar a mais de 15 anos.... parei de fumar a anos, não faço uso de nenhuma droga, cortei o alcool a meses, ja fiz todos os exames possíveis,, eletro, ecocardiograma, experiometria, exames de sangue gerais, tireoide, hepatite, sifilis, hiv, raio x de pulmao etc... tenho falta de ar todos os dias, dias mais, dias menos, aperto no peito, dormencias etc... fiz cirurgia de desvio de septo e cornetos a 1 mes, melhorou a respiração, mas continou com falta de ar,,, e a alguns meses fui atendido pelo Samu com uma crise de panico forte com contração muscular, achei que era o fim,,estou desanimado pois ninguem acha qual é o meu problema, to tomando fluxotina a uns 2 meses e meio e nada,,, sou super bem humarado, otimista, mas isso me desanima,,,,acaba com minha vida social, acaba criando fobias, o que será que tenho?? PODE SER ASMA?/ oBRIGADO!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Bigles: o seu relato não sugere que a falta de ar seja causada por asma. Mas, não é possível fazer diagnóstico pela internet, baseado apenas nos poucos dados enviados e sem examinar pessoalmente.
Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Asma ou bronquite pega??

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Asma (ou bronquite alérgica ou bronquite asmática) não é contagiosa. Obrigado pela participação em nosso blog.

leide ferreira disse...

Quando dou risada ou as vezes quando tomo algo muito gelado, me da tosse e em seguida fico com um pigarro persistente, e as vezes sinto dor no peito tbem..... Não sinto falta de ar... somente a tosse q atrapalha um pouco na respiração... Será q vcs podem me ajudar por favor?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Leide: os dados que envia não são suficientes para fazer diagnóstico e indicar uma forma de tratamento. Aconselho que procure um alergista Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos por sua visita.

jose lins disse...

Fui diagnosticado com asma leve CID= J45.8 depois que fiz exame de espirometria o resultado foi este:(espirometria evidenciando moderadamente severo distúrbio ventilatório obstrutivo) sendo que repeti este exame até agora 7 vezes, todos deram o mesmo resultado. Também fiz tomografia que deu um nódulo de 0,6mm. A minha dúvida é que eu não sinto alguns sintomas como: cansaço, chiado no peito nem dificuldade para respirar. O que eu sinto é um pigarro que nunca acaba e congestão nasal à noite, em ambientes fechados (como ônibus) fico um pouco ofegante. Recentemente durante uma virose fiquei com intolerância a cheiros de perfumes e produtos de limpeza, (ficava sufocado com qualquer cheiro), durou uns 15 dias mas voltou ao normal. Eu me pergunto se realmente estou com asma. Tomei por uns 4 meses ALENIA 400mcg receitado por minha médica, mas parei por achar que não tenho asma. Obs: Trabalho como caldeireiro industrial a dez anos, onde estou exposto a: gazes metálicos de solda e maçarico, poeira, pó de ferrugem e cinzas de caldeira e pó de esmerilhadeira, muitas vezes em ambiente confinados.Nunca usei nenhum tipo de mascara para prevenção. No momento estou afastado do trabalho. Se puderem me dar uma opinião? Desde já agradeço...

Anônimo disse...

Bom dia. Preciso de ajuda. Raramente eu gripada, ou tinha febre. Mas tinha dificuldade em dormir com boca fechada por causa dos cornetos. Retirei julho /13, fiquei otima. Mas somente a partir do mes janeiro, de acordo com clinico geral peguei infecção de garganta, tosse, sem febre, que foi tratada com Azitromicina 500. Acabou o remedio e a tosse ficou. Fui a uma pneumologista, que receitou Clenil A, Clavulin 825, disse que eu tinha bronquite pulmonar. Nao tinha secreção de catarro, somente a tosse seca que nao me deixava, nao houve realização de raiox. Ocorre que 3 semanas depois que peguei uma chuva, a tosse seca voltou, com uma secreção verde amarelada que so saiu no primeiro dia e ja estou no terceiro dia e tosse nao foi embora.Noa quero ficar doente pra sempre...:-( O q faço, ir novamente ao Pneumo? fazer natação melhora?..terei bronquite eternamente?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Infelizmente não podemos afirmar o seu diagnóstico, porém doenças ocupacionais podem em alguns casos justificar queixa de falta de ar. O seu médico é a melhor pessoa para orienta-lo
Obrigado pela visita.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Peço sua compreensão, mas o parecer que solicita não pode ser emitido através da internet, sem analisar seus dados clínicos e sem examinar pessoalmente. A nossa equipe médica está ao seu inteiro dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro
Obrigado pela visita

Postar um comentário

"Os comentários publicados sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. Os autores deste blog reservam-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgarem ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou sem a devida identificação de seu autor também poderão ser excluídos".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...