Pular para o conteúdo principal

Pigarro – “o bichinho do han han"



Pigarro é um velho conhecido de todos, pois se trata de uma afecção comum. Parece com uma pequena tosse para aliviar a sensação de embaraço ou coceira na garganta. O pigarro tem a finalidade de expelir uma secreção acumulada aliviando o desconforto.

A causa mais comum de pigarro não é a alergia, mas sim o tabagismo. O fumante sofre a ação tóxica das substâncias presentes no cigarro e isso altera seu mecanismo de defesa e limpeza na garganta e vias respiratórias, gerando a necessidade constante de limpeza da garganta com pigarros freqüentes. No caso, fumantes costumam evoluir com piora do quadro, surgindo a tosse crônica e agravamento do seu quadro. 

É importante ressaltar que a fumaça do cigarro pode causar pigarro tanto para o fumante como para as pessoas que convivem com ele (tabagismo passivo).

Outras causas de pigarro:

- Resfriados e gripes podem se acompanhar de aumento da secreção (muco) resultando numa sensação de irritação na garganta e conseqüente pigarro.

- A Rinite alérgica pode se acompanhar de secreção na região por trás das narinas conhecido como secreção pós nasal, ocasionando pigarro.

- Além das gripes e resfriados, outras doenças causadas por microorganismos podem também originar pigarro, tais como sinusites e rinites infecciosas.

- A doença do refluxo gastresofágico se acompanha de distúrbios digestivos e pode gerar pigarro ou tosse seca. Mas, existe ainda a possibilidade de refluxolaringo-faríngeo que nem sempre se acompanha de sintomas e que causa manifestações altas como por exemplo, pigarro, sensação de corpo estranho na garganta, rouquidão e tosse.

- Remédios podem ser causa de pigarro, como por exemplo, alguns antihipertensivos do grupo dos inibidores da ECA.

- Fatores emocionais podem gerar pigarro, tanto nos adultos como nas crianças.

Portanto, o pigarro não é apenas um “bichinho do han han” e merece ser tratado de forma adequada. Evite paliativos e pastilhas. Procure atendimento médico.

O Pigarro: referências na literatura

Dois córregos - Fernando Pessoa:  

"Um pigarro, outro pigarro, e de pigarro em pigarro
A alma de Dois Córregos se acende
Na ponta de todos os pitos de barro".

Otto Lara Resende 

"Saudosismo é cacoete de velho, como pigarro".

Sérgio Porto (Stanislaw Ponte Preta)
“ Nem todo rico tem carro, nem todo ronco é pigarro, nem toda tosse é catarro, nem toda mulher eu agarro”.

Nelson Rodrigues:
"Mas, em 1916, quando vim para o Rio, as famílias tinham pigarros, tosses, que as novas gerações não conhecem". 


Comentários

  1. Sebastiana M Azevedo10/6/12 13:31

    Gostei do texto. Me esclareceu muitas dúvidas. Continuem assim, nos orientando. Obrigada

    ResponderExcluir
  2. Sebastiana: agradeço em nome da equipe PGRJ. Suas palavras são um incentivo ao nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  3. tbm estou satisfeito pelo texto, como é bom agente encontrar uma ajuda. obg

    ResponderExcluir
  4. Obrigado Victor Esse é o nosso objetivo: que nossos textos possam ajudar a superar as doenças alérgicas e na conquista de uma melhor qualidade de vida aos portadores de doenças alérgicas, familiares e seus cuidadores.

    ResponderExcluir
  5. ótimo comentário. já tenho por onde começar o tratamento. obrigado...

    ResponderExcluir
  6. Agradecemos por suas palavras. Aproveito a oportunidade para convidá-los a assinar nosso blog e passar a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

    ResponderExcluir
  7. Nunca fui fumante, mas tenho um pigarro que me acompanha todos os dias, há anos. Não posso falar muito que lá vem ele, e a minha voz vai ficando rouca até sumir...É muito ruim. Agora já sei que, com certeza, é alérgico pois sofro de renite alérgica desde pequena. Muito esclarecedora essa matéria. Obrigada

    ResponderExcluir
  8. Solange: a rinite nem sempre é uma doença valorizada, sendo considerada por muitos como pouco importante. Mas, pode provocar diversas complicações, sendo o pigarro e a tosse, sintomas frequentes. O seu alergista poderá confirmar se a rinite é a causa do seu pigarro. Agradecemos sua visita ao nosso blog.

    ResponderExcluir
  9. José: peço sua compreensão, mas não posso atender sua solicitação. Não há como tratar um pigarro de longa duração apenas com um remédio caseiro. É essencial pesquisar a causa do problema para que o tratamento seja eficaz. A nossa equipe está ao seu dispor para analisar seu casoe prestar maiores esclarecimentos. Gratos por sua visita.

    ResponderExcluir
  10. Bom dia estou postando neste blog por necessito de uma orientaçao, também tenho muita rouquidão, muito catarro que preciso fazer o tempo todo esse famozo ha ha, para poder eliminar, gostaria de uma orientaçao.

    ResponderExcluir
  11. As principais causas de pigarro e rouquidão são: tabagismo, alergias respiratórias com subsequente gotejamento de secreção pós nasal, refluxo laringo-faríngeo, entre outras. Aconselho que procure um alergista. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos.

    ResponderExcluir
  12. fazem 5 meses que de vez em quando fico rouca e as vezez me da pigarro as vezez tenho o peito trancado respiração pesada, pode ser isso brinquite

    ResponderExcluir
  13. Os dados que envia não permitem concluir se é um caso de asma (bronquite). Aconselho que procure um alergista. Estamos ao dispor na Policlínica geral RJ

    ResponderExcluir
  14. gostei das explicações,sofro com pigarro a noite e não fumo e parece que estou sempre como nariz entupido ontem fui ao medico e ele receitou budesonida spray comecei o tratamento ontem quantos dias demora para dar resultado!

    ResponderExcluir
  15. Budesonida não é uma medicação aliviadora de efeito imediato. Pelo contrário, seu efeito se instala lentamente , atuando na inflamação que acompanha a rinite alérgica e controlando a doença progressivamente. O tempo necessário para que os sintomas apareçam não é igual em todas as pessoas. Converse com seu alergista e peça que oriente sobre seu caso. Gratos pela visita.

    ResponderExcluir
  16. ola tenho pigarro muito chato e quando fico nervoso ele aumenta tem como o pigarro ser do sitema nervoso,e tenho gastrite

    ResponderExcluir
  17. Fatores emocionais podem agravar um pigarro, mas não são a causa única do problema. Aconselho que relate ao seu médico as suas observações para que ele possa ajudá-lo. Gratos por sua visita ao nosso blog.

    ResponderExcluir
  18. tenho pigarro a anos mas quando chega essa época do ano piora,e agora quando como alguma coisa fico pigarreando,me ajude a ter pelo menos uma noção do que esta acontecendo,pode algo sério como cancer.quando fui ao medico e me passou budsonida spray,ele falou que poderia ser rinite alergica pois meu nariz vive entupido, comecei a usar a alguns dias mas não vi melhora,0bs: não fumo,não tenho febre, nem secreção! fico grato se poderem me ajudar







    ResponderExcluir
  19. O seu relato não sugere nenhum dado que possa confirmar um cancer como causa de seu pigarro. A rinite alérgica é uma causa comum e neste caso, o pigarro é ocasionado por secreção que escorre por trás das narinas em direção à garganta. O tratamento exige disciplina e persistência pois a melhora do pigarro não é rápida e imediata. Além disso, se a rinite é alérgica, é essencial tratar a alergia através do controle ambiental e da imunoterapia. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Gratos pela visita.

    ResponderExcluir
  20. agradeço os esclarecimentos muito legal essa iniciativa de vcs médicos,parabens e que Deus abençoe a todos abraço!

    ResponderExcluir
  21. Boa Tarde, tenho pigarro a mais de 5 anos, e nunca fumei,e pego resfriado frequente, sempre que pego resfriado, tem muito catarro, isso começou quando eu morava em sao paulo, agora moro no ceara, mais aqui continua com menos frequência, o que pode ser? abraço e parabéns pelo blog

    ResponderExcluir
  22. Augusto: pigarro pode ter causas variadas. O seu relato de ter resfriados repetidos sugere que possa ser um caso de rinite alérgica. Aconselho que procure um alergista. Se for confirmado, o tratamento adequado da rinite pode controlar o pigarro. Agradeço suas palavras de incentivo ao nosso trabalho voluntário.

    ResponderExcluir
  23. Olá, quero lhe agradecer por estas esclarecimentos. Gostaria q me ajudase. Em junho comecei a tossir muito, todos dias, usei diversos xarope, pastilhas, sprays para aliviar, os meses foram passando e a tosse diminuindo. Hoje estou desesperado, estou como tosse seca, iritativa e pigarro e está me incomodando muito, toda hora minha garganta coça muito, ao olhar no espelho vejo q a minha faringe está muito irritada. Tirei um rx do torax e o médico me falou q não há motivo para minha tosse, me receitou nimesulida e xarope notuss, e falou q se não adiantasse q iria me encaminhar para um pneumologista. O q vc acha?

    ResponderExcluir
  24. Robson: o seu relato não sugere que sua tosse seja causada por problemas pulmonares. Existem diversos fatores que podem ocasionar a tosse que devem ser investigados, em especial fatores relacionados à via respiratória superior, doenças alérgicas, refluxo, fatores emocionais, etc. Aconselho que procure um alergista para orientar seu tratamento. Gratos por sua visita.

    ResponderExcluir
  25. Vanusa: Olá, não sou fumante, não tenho qualquer tipo de alergia, mais tenho crises de tosses que me acompanham a anos, e isso me incomoda muito pois sempre fico com essa tosse não consigo parar, e quando eu falo um pouco mais essa tosse vem... e em todas as vezes q fui ao medico sempre me receitaram um descongestionante mais nunca surtiu efeito, gostaria de saber o que poderia ser, se puderem me ajudar eu agradeço.

    ResponderExcluir
  26. Vanusa: a tosse não é uma doença, mas sim um sintoma. Por isso, é muito importante definir a causa. Contudo, para fazer o diagnóstico, é essencial investigar seus dados clínicos de forma criteriosa e pessoalmente, não sendo possível apontar a causa ou orientar tratamento pela internet. Estamos ao seu dispor na Policlínica Geral do Rio de janeiro. Gratos pela visita.

    ResponderExcluir
  27. ola meu filho de 10 anos anda sempre com pigarro faz sempre aquela som ha ha,e tambem tem a faringe um pouco irritada mas nao tem dor,e algumas vezes tambem tem tosse! ja lhe perguntei porque ele faz sempre aquele ha ha,ele me responde que é a saliva na garganta e que tem que fazer ha ha para sair se nao que fica com a voz rouca,porque será?sera algo grave como cancro?se me poder ajudar eu agradeco,obrigado

    ResponderExcluir
  28. O pigarro apresenta causas multifatoriais, como: gripes , resfriados, rinite alérgicos, doenca do refluxo gasto esofágico, medicamentos entre outros.
    Sugiro que seu filho seja avaliado em uma consulta médica.
    Obrigado pela visita

    ResponderExcluir
  29. Francisca6/5/14 12:29

    Parabéns! Muito bom saber que temos, a nossa disposposiçao uma equipe = a de vcs; pois nos esclarece duvidas e dá-nos boas direçõeseus os abençoe. Gratissima Francisca

    ResponderExcluir
  30. Francisca: agradeço em nome da equipe PGRJ. As suas palavras são um incentivo ao nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia. Volte sempre.

    ResponderExcluir
  31. Anônimo2/6/14 01:19

    Olá,ja faz umas duas semanas q estou com uma tosse seca,mas a dois dias q eu nao consigo dormir por causa desse bendito pigarro passo a noite tossindo e vomitando horrivel,fui ao medico estou tomando xarope koid e amoxilina antibiotico mas ate agora nada,ja estou ficando preocupada porque nao passa.ah e nao sou fumante,oqmais eu poderia estar fazendo pra passar esse perrengue?????

    ResponderExcluir
  32. Peço sua compreensão, mas o parecer que solicita não pode ser emitido através da internet, sem analisar seus dados clínicos e sem examinar pessoalmente. A nossa equipe médica está ao seu inteiro dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.
    Obrigado pela visita.

    ResponderExcluir
  33. Oba! Até 2010 sofri muito com pigarro e azia, porém após ser operado de hérnia de hiato o segundo problema sumiu, mas o pigarro continua, principalmente após a janta. Saliento que permaneço de pé no mínimo 1 horas após a refeição, não fumo, quase não consumo frituras, refri e molhos p/ lanche.

    ResponderExcluir
  34. Pigarro pode ter causas variadas. Mesmo após a cirurgia de correção da hérnia de hiato, outros fatores podem impedir que o pigarro melhore. Gratos por sua visita.

    ResponderExcluir
  35. Minha filha de 06 anos esta sendo tratada com clavulin ha dez dias por conta de uma sinusite. A congestão nasal e a tosse noturna desapareceram. Entretanto, ela ainda apresenta um pigarro durante o dia. Isso pode significar q o tratamento nao está surtindo o efeito desejado?

    ResponderExcluir
  36. Tatiana: a melhora dos sintomas de tosse e congestão indica que a medicação está sendo eficaz. Contudo, pode ser que seja necessário manter por tempo mais prolongado ou que o pigarro tenha outros fatores envlvidos, necessitando de um outro tipo de complemento ao tratamento. Gratos por sua visita.

    ResponderExcluir
  37. Estou com pigarro e a noite fico sem ar já fui ao medico e ele me falou que era refluxo ,mais como estou gestante não me passou .nenhum medicamento já não sei o que fazer já não estou conseguindo dormi,já levantei a cama ,já estou evitando um monte de coisas mais não está resolvendo me ajuda estou desesperada.

    ResponderExcluir
  38. Sinto muito, mas não é possível ajudá-la através do Blog. Não há como tratar ou afirmar a causa dos seus sintomas sem examinar pessoalmente Avaliar pela internet pode resultar em erros de diagnóstico e tratamento Aconselho que procure atendimento com seu médico que faz seu pré natal na forma de uma consulta. Gratos por sua visita ao Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  39. angelica t rios26/2/15 20:53

    Olá boa noite tenho pigarro , a noite sinto que piora , nao fumo, mas fico perto de quem fuma , fico irritada queria alguma soluçao. Obrigada






    ResponderExcluir
  40. Angélica: pigarro não é uma doença, mas sim um sintoma. Por isso, é essencial analisar seus dados clínicos de forma criteriosa e pessoalmente para opinar sobre a causa do pigarro que descreve, Gratos pela visita.

    ResponderExcluir
  41. Boa noite.
    Meu nome é Celio correia e tenho 59 anos.
    Antes quero agradecer está oportunidade e ajuda de todos.
    Após uma gripe e isso já se foram 2 anos, fiquei com um frequente pigarro que perdura até os dia de hoje é isso ocorre durante todo o dia.
    Durante o período do dia um excesso de líquido parecendo uma mucosa vem para garganta e para aliviar tenho que fazer ran ran para limpar e pouquíssima secreção sai.
    Já consultei, pneumologista, otorrino, fiz também uma endoscopia, e nada.
    Me indicaram própolis e tenho feito uso e ajuda muito porém, o efeito aparece mas logo após algumas horas acaba voltando.
    Nunca fumei e não tenho falta de ar!!!

    Por favor me ajudem

    ResponderExcluir
  42. Boa tarde, Cielo. Realmente a sensação de que há algo escorrendo no fundo da garganta é extremamente incomoda, e o "ran - ran" é de incomodar qualquer um. Como você mesmo disse, já procurou gastro e otorrino, sem respostas. Procure um(a) alergista, ele poderá ajuda-lo, já que a Rinite alergica é um grande diagnóstico diferencial nestes casos. se você for do Rio estamos prontos para ajuda-lo na Policlinica Geral do Rio de Janeiro.
    Obrigado por visitar o Blog da Alergia

    ResponderExcluir
  43. Anônimo3/4/15 22:41

    Há duas semanas eu gripei, depois que sarei veio essa rouquidão absurda. Piora mais de madrugada, acordo cm a garganta seca e tusso muito, parece que vou engasgar. Qual será a sugestão?
    Não tenho corrimentis no nariz, nem catarro. No entanto, tenho problemas gástricos.

    ResponderExcluir
  44. O pigarro pode ser um sinal de que asua gripe não se curou totalmente. Ou então, pode sinalizar algum tipo de complicação que está impedindo sua recuperação. Aconselho que procure atendimento médico.Gratos pela visita ao Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  45. Anônimo4/4/15 18:33

    Meu filho de dez anos tem pigarro todos os dias e faz tratamento com alergista por conta da bronquite. Alguma orientação para este caso?
    Agradeço se poder me ajudar!

    ResponderExcluir
  46. Ola.. meu filho de 8 anos sofre de Rinite alérgica.. tem crises matutinas de espirros e vermelhidão e coceira nos olhos.. na primavera é terrível.. ultimamente observei que ele está pigarreando muito.. e começou a fazer isso durante as refeições e fica 1hs praticamente posterior a elas com o hum-hum, hum-hum.. Até em refluxo ja pensei mas como ele é pediátrico não ouvi falar disso.. o q vcs me dizem?
    Grata!

    ResponderExcluir
  47. Boa tarde. O pigarro nessa idade pode ter várias causas. Você deve entrar em contato com o(a) próprio(a) alergista e/ou pediatra, para investigar e tratar este sintoma.
    Obrigado por visitar o Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  48. Olá Taz, boa tarde. Este sintomas podem ser causados pela própria Rinite, porém, existem outra causas possíveis, entre elas, o próprio Refluxo Gastroesofágico. Você deve entrar em contato com o(a) próprio(a) alergista e/ou pediatra, para investigar e tratar este sintoma.
    Obrigado por visitar o Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  49. Elaine Patricia11/4/15 19:24

    Meu filho tem 4 anos e tem um pigarro, principalmente pela manhã mesmo sem está resfriado, será que é alergia???

    ResponderExcluir
  50. Elaine: sinto muito, mas não é possível afirmar se o pigarro apresentado pelo seu filho tem causa alérgica, pela internet. É essencial examinar pessoalmente. A nossa equipe está ao dispor na Policlínica Geral RJ Gratos pela visita ao Blog da Alergia

    ResponderExcluir
  51. Boa noite... tenho secreção pós nasal, mas meu nariz nunca fica entupido.. é assim mesmo?

    ResponderExcluir
  52. Michele: a rinite pode se acompanhar de sintomas variados, sem especial: coriza, espirros, coceira e obstrução nasal. Além disso, pode ocorrer também secreção pós nasal associada. Convido que escreva para nosso e-mail (blogdalergia@gmail.com) e receba uma cópia do nosso livro sobre a Rinite. Gratos pela visita ao Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  53. Eu tenho esse pigarro já a uns 2 anos, às vezes melhoro, mas nunca 100%, estou muito preocupado agora, pois tenho medo de perder minha voz devido a alguma complicação, estou um pouco pior agora que minha sinusite teve uma crise a poucas semanas atrás, infelizmente moro em Brasília, não posso me consultar com vocês, já estou em busca de um médico, devo procurar um alergista ou um otorrinolaringologista ou o que?

    ResponderExcluir
  54. Mximilian: vambos os especialistas poderão orientar seu tratamento. Para localizar os médicos portadores de título de especialista em Alergia em Brasilia, sugiro que acesse o site da ASBAI: www.sbai.org.br Procure a aba onde está escrito: "Público" e depois clique em “Localize um especialista”. Abrirá um campo para preencher os dados: clique no Estado desejado (UF) e depois escolha a cidade. Ao final, clique em "Enviar" e abrirá uma lista com os nomes de especialistas na localidade desejada. Gratos pela visita.

    ResponderExcluir
  55. Meu filho tem 5 anos e sofre com crises de sinusite.Minha pergunta é: como tratar o pigarro causado pela sinusite? Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
  56. Valéria: o pigarro pode resultar de secreção pós nasal originada pela rinite. Contudo, é preciso afastar outras causas, como por exemplo um refluxo faringo-laríngeo. Não há como indicar tratamento sem definir a causa do sintoma. Recomendo uma consulta com alergista para que este possa avaliar o seu filho, conduzir a investigação diagnóstica e indicar o tratamento adequado. Obrigado por visitar o Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  57. Boa tarde, sofro com pigarro a mais de 5 anos. Ja fui em 2 medicos otorrinolaringologista e ambos disseram que nao existe tratamento para isso. Esse problema tem me feito sofrer muito, pois e muito constrangedor ficar o tempo todo escarrando secreçao que as vezes e banca, as vezes amarelada e outras e tipo uma saliva bem grossa e meio pegajosa. As vezes quando fico com muito pigarro, e tento colocar pra fora, vem com fios de sangue, acho que e pela força da tosse. Ha muito tempo que eu nao durmo bem a noite, porque quando deito, parece piorar. Evito ate sair de casa, por ter vergonha de ficar escarrando o tempo todo. E quando nao coloco pra fora, fica tipo preso na garganta, sem conseguir engolir. As vezes nesse muco vejo que tem pequenos pedaços de alimento, mais ou menos do tamanho de meio grao de arroz, que quando toco parece ser pao, pois se desmancha e tem um cheiro desagradavel. Nao e refluxo, e como se eu tivesse comido algo e o alimento dica grudado em algum lugar da garganta. Por favor me ajude, nao consigo encontrar um medico que me oriente e ajude. Esse meu problema me deixa insegura para trabalhar e ate estar com minha familia. Desde ja agradeço. Que Deus lhe abençoe.

    ResponderExcluir
  58. Escrevi o texto agora e esqueci de dizer, Meu nome e Raquel. Obrigada.

    ResponderExcluir
  59. Raquel: compreendo sua dificuldade e gostaria de poder ajuda-la. Mas, não há como emitir um parecer ou indicar um tratamento através de um aconselhamento por e-mail, sem uma consulta médica realizada pessoalmente. Estamos ao seu dispor na Policlínica Geral RJ para avaliar seu caso e prestar esclarecimentos. Obrigado por visitar o Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  60. Bom dia, meu filho tem 6 anos e já tem dois meses que está com pigarro, irrita muito, chego a chorar escondido, sinto muita aflição. Levei ele ao médico otorrinolaringologista e ele fez Naso, deu rinite e já começou fazer tratamento, porém o pigarro continuou. Levei ao Gastro e fez cintilografia e deu refluxo, ele já teve. Começou há 15 dias o tratamento, mas até agora continua o pigarro. Só queria uma orientação para saber em quantos dias esses tratamentos para refluxo começam a fazer efeito. Agradeço, estou super deseperada. Me chamo Renata.

    ResponderExcluir
  61. Renata: não há um tempo padronizado para que se verifique a melhora com o tratamento do refluxo Varia em cada pessoa, dependendo do tipo e gravidade de cada caso. Aconselho que converse com o(a) gastro e peça que a oriente. O diálogo e a confiança são fundamentais para o sucesso do tratamento. Convido que escreva para nosso e-mail (blogdalergia@gmail.com) e receba uma cópia do nosso livro sobre a Rinite. Gratos pela sua visita ao Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  62. Minha dwmartologista diagnosticou que estou com pitiriase rosea mais quando tomo banho parece que piora a coceira.

    ResponderExcluir
  63. Meiriele: a pele irritada pela doença pode coçar no banho. seguem algumas dicas:
    - Reduza o número de banhos: um por dia é o ideal, para não ressecar sua pele, o que pode aumentar a sensação de prurido.
    - Caso tome mais de um, prefira banhos rápidos (chuveiradas), sem sabonete.
    - Não use buchas ou esponjas.
    - Use sabonetes suaves, para pele seca
    - Aplique hidratante diariamente, logo após o banho, em todo o corpo
    Gratos pela visita ao Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  64. Olá..boa tarde...o meu filho tem dois anos e tem rinite alérgica..ele desde 5 meses sofre de crises...mais assim que ele fez um aninho e começou a ter um pigarro tipo catarro na garganta toda vê que chora e corre brincando...tem vezes que ate se engasga...nao sei se é da alergia ou outra coisa to preocupa demais..e ele não esta gripada e nem resfriado...se puder me responder te agradeço muito!

    ResponderExcluir
  65. Boa tarde. As causas de pigarro na criança são variadas e precisam ser pesquisadas em cada paciente. Por isso, não é possível opinar sobre seu filho sem uma avaliação criteriosa e pessoalmente. Caso você more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor para atender você no ambulatório da Clínica de Alergia da Policlínica Geral RJ, avaliar seu caso e prestar esclarecimentos. Se você mora em outra cidade, procure no setor "Público" do site da ASBAI (www.asbai.org.br) e localize os médicos especialistas em Alergia em sua cidade. Obrigado por sua visita ao Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  66. Olá! Puxo algo da garganta a muito tempo, a garganta parece ficar inflamação mas não doi.
    Esses sintomas vai e volta.
    Tenho também um mal cheiro na boca, da pra ver q vem da garganta, não se oq é.
    Se é alérgica se é refluxo. Obrigada

    ResponderExcluir
  67. Elaine: Boa noite. Para diferenciar se a secreção que descreve resulta de refluxo ou de uma alergia, é preciso:
    1) analisar seus dados clínicos (anamnese)
    2) fazer um exame físico rigoroso, em especial das vias nasais e da orofaringe
    3) realizar exames complementares e testes para confirmação da hipótese diagnóstica.
    Agradecemos sua visita ao Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  68. Ola,tenho 47 anos a 6 anos fiz endoscopia e mostrou que tinha gastrite e refluxo fiz o tratamento e melhores,este ano comecei com dor na garganta e ter um pouco de arroto procurei um otorrino e através de exame ele viu que minha garganta estava boa e a causa era do refluxo tomei medicação e melhores,hoje ainda continuo a tomar Pantoprazol 40 MG mais estou com muito pigarro e minha garganta coça tenho um gosto ruim na garganta solto uma espuma branca não consigo dormir sera isto o refluxo.

    ResponderExcluir
  69. O seu relato sugere que possa ser um refluxo mas não é possível diagnosticar sem examinar. Agradecemos sua participação no Blog da Alergia.

    ResponderExcluir
  70. Olá tenho uma filha de 4anos e é constante a tosse seca e o bichinho do ran ran, levei no otorrino e nada, agora levei na gastro, estou aguardando os exames, mas fico nervosa, pq não passa, e principalmente quando ela come, podem me ajudar

    ResponderExcluir

Postar um comentário

"Os comentários publicados sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. Os autores deste blog reservam-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgarem ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou sem a devida identificação de seu autor também poderão ser excluídos".

Postagens mais visitadas deste blog

Antialérgicos ou Anti-histamínicos

Histamina é o nome da substância química mais famosa envolvida nas reações alérgicas. Quando a histamina é liberada, provoca dilatação e inchação dos vasos, bem como aumento secretivo e coceira. No caso da rinite, a presença da histamina ocasiona coceira, espirros, coriza e bloqueio nasal. Na urticária provoca placas avermelhadas com muita coceira na pele. Na alergia ocular, resulta em coceira, avermelhamento e irritação da conjuntiva dos olhos. Na dermatite atópica pode ajudar no controle da coceira, que é intensa e prejudica a pele, agravando a doença.
Desde a década de 30 observou-se que era possível aliviar os sintomas da alergia usando remédios que antagonizassem com a histamina. Mas, só na década de 40 foi lançado o 1º remédio anti-histamínico. Desde então, o conhecimento só fez crescer e hoje dispomos de muitos remédios com esta finalidade.
É importante lembrar que a histamina não é exclusiva da alergia pois participa também de outras doenças. Por isso, hoje existem anti-histamín…

Alergia a analgésicos e anti-inflamatórios

Você sempre usou aquele analgésico e nunca teve nada. Um belo dia toma e... incha tudo! 

É sempre uma surpresa, pois a alergia não surge da primeira vez e sim quando já se tomou aquele remédio por várias vezes.

Quer entender o que se passou? É um pouquinho complicado, mas vamos lá:


Analgésicos servem para aliviar a dor, mas a maioria também tem ação antitérmica e anti-inflamatória. A aspirina (ácido acetil salicílico ou AAS) foi o primeiro analgésico, inventado em 1800. A partir dela, foram sintetizadas outras substâncias como dipirona e os chamados anti-inflamatórios (diclofenaco, ibuprofeno, etc.). Portanto, todos derivam de uma mesma linha de família, sendo “parentes” e com ações semelhantes.
Para que se entenda porque os analgésicos provocam reações alérgicas, é preciso entender como agem: para combater a dor e a febre, estes medicamentos atuam inibindo uma enzima chamada COX 1 e impedindo a ação das substâncias provocadoras de dor, chamadas prostaglandinas.
O problema é que, ao …

Alérgicos podem tomar vacina da febre amarela?

O aumento do número de pessoas no Brasil com febre amarela trouxe à tona a necessidade do uso da vacina e com isso, surgiram algumas dúvidas.

A vacina é produzida pela FIOCRUZ com o vírus da febre amarela vivo e atenuado cultivado em ovos embrionados de galinha, obedecendo normas padronizadas da Organização Mundial da Saúde. É disponibilizada gratuitamente em postos de saúde e ocasionalmente em alguns aeroportos, terminais rodoviários e hospitais públicos.

Em 95% das pessoas o efeito protetor (imunidade) ocorre uma semana após a aplicação. Por isso, recomenda-se vacinar dez dias antes da viagem para que haja tempo para proteção efetiva contra a doença. Confere imunidade por 10 anos ou até mais, podendo ser utilizada a partir dos 9 meses de idade. É aplicada por via subcutânea no braço (região deltóidea).

Recomenda-se vacinar todos que residam ou viajem para zonas de risco como florestas e cerrados ou ainda, pessoas profissionalmente expostas ao vírus da febre amarela.
Efeitos colaterais A …