19 janeiro 2009

Viagem sem alergia

mala

As férias escolares chegaram e convidam a viajar. 
É hora de aproveitar momentos de lazer e de convivência com a família e os amigos, fora da rotina dos compromissos, estudo e do trabalho.
Mas, e a alergia, como fica?
Bem, a alergia não tira férias, mas pode ser controlada.
Por isso, seguem algumas dicas para uma viagem tranqüila, feliz e livre de problemas.

1) Preparativos para a viagem
- Ao definir o roteiro, confira as condições de clima, tipo de hospedagem e hábitos do local. Por exemplo, se escolher uma casa de veraneio, certifique-se se está aberta, se foi realizada uma limpeza adequada e leve todas as roupas de cama e travesseiros. Dormir em um colchonete guardado em casas fechadas ou usar uma roupa de cama sem lavar pode trazer muito desconforto e desencadear crises de asma ou de rinite alérgica.
- Verifique se seu plano de saúde dá cobertura no local escolhido.

- Agende uma consulta com o médico para que ele avalie suas condições. Peça que escreva uma receita contendo orientações, suas medicações contínuas e pergunte sobre os cuidados e remédios para casos de crise. Pessoas que já tiveram reações de anafilaxia devem levar também adrenalina (epinefrina).

No caso da asma, não há necessidade de se levar aparelhos nebulizadores, que são grandes, além de necessitar energia elétrica, que em muitos locais têm diferença de voltagem. Os sprays contendo broncodilatadores, usados com espaçador, têm o mesmo efeito.

- Organize uma bolsa contendo os remédios, numa quantidade que dure por toda a viagem e leve em sua bagagem de mão para facilitar o acesso. Escreva uma escala de horários para facilitar o uso, já que estará fora da rotina e coloque junto a receita do seu médico.

- No caso de uma alergia alimentar, em especial se vai viajar para o exterior, informe-se sobre os costumes e ingredientes mais comuns da culinária local. Entre em contato com a companhia aérea para definir a dieta durante a viagem.

- Se uma criança viaja sozinha, é interessante passar uma cópia da orientação por escrito ao responsável, para facilitar seu cumprimento.

- Ao viajar de carro, inclua na revisão do automóvel uma boa lavagem, revisão do ar condicionado e aspiração dos bancos.

- Se estiver em uso de imunoterapia, avalie as condições de refrigeração para conservação da vacina. Em viagens ao exterior, o transporte e as aplicações podem ser complicados. Converse com o alergista a possibilidade de interromper durante o período.

- Recomenda-se aos portadores de alergia a medicamentos que levem consigo um cartão com as devidas informações sobre seu caso.


2) Durante a viagem

- Viajando de carro, ônibus, avião ou navio, o passageiro está exposto a uma série de fatores no ambiente que poderão precipitar sintomas de asma e de rinite alérgica, incluindo revestimentos acarpetados,estofamentos, sistemas de ventilação, etc..

- A umidade baixa no interior de aviões pode causar ressecamento das vias respiratórias. Ônibus dotados de ar refrigerado, em especial nas viagens longas, também podem provocar este efeito. O uso de um spray nasal contendo solução salina pode ser útil para diminuir o desconforto.

- A variação de pressão durante as viagens aéreas, em especial na decolagem e aterrissagem pode levar a sensação de pressão ou dor na face ou ouvidos, em especial nas pessoas portadoras de rinossinusite alérgica. Para prevenir, recomenda-se uso prévio de solução salina nasal e fazer movimentos faciais como bocejar ou mascar chicletes. Crianças pequenas se beneficiam com o uso da chupeta. O médico poderá indicar o uso de um descongestionante nos casos específicos.

- Viajando de carro, não permita que fumem no veículo.

- Cruzeiros marítimos estão em alta. Tome cuidado com a exposição ao sol: o uso de protetor solar e do hidratante é valioso na proteção cutânea, em especial nos portadores de dermatite atópica. Evite permanecer longas horas na piscina e troque a roupa molhada para outras atividades. Caso tenha alergia alimentar, comunique previamente para que seja providenciado um menu especial a bordo.



3) Chegando ao destino

- O ambiente e o clima do local de destino também influenciam no sucesso de uma viagem. Para isso, leia o texto: "Férias com saúde", publicado em Dezembo de 2006.

- Em caso de acampamentos, os cuidados poderão ser mantidos sem estragar o prazer de viajar. Leia mais no artigo "Acampando sem alergia".

- É fácil esquecer compromissos durante as férias. Para lembrar o horário das medicações, use o alarme do telefone celular.

- A prática esportiva, em especial dos esportes radicais, deve respeitar a capacidade física de cada pessoa. Asmáticos devem ter sua medicação de resgate à mão, para eventuais crises. 

 

avião

E, o mais importante, aproveite o passeio e tenha uma ótima viagem!






6 Dê sua opinião:

Rosa Silvestre disse...

Como o selinho do blog de ouro somente se pode oferecer às mulheres, ofereço este selinho com muita amizade, além mar, pelo excelente blog que aqui têm! É só ir buscar e colar no Alergia.
Bjinhos da RS.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Obrigada, Rosa. Será uma honra para mim receber o selo e representar a equipe do Blog da Alergia. Passarei no Criancices. Beijos!

Vivian Sbrussi disse...

Oiii Fátima!!!

Claro que entendo, perfeitamente!

Mas não poderia deixar de indicar o Blog da Alergia!!! Gosto muito de acompanha-ló...as matérias são ótimas!

abraço!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Obrigada, Vivian. Ficamos felizes em ter nosso trabalho correspondido. Beijões!

Unknown disse...

E quando você vai visitar alguém e tem uma crise devido ao cheiro de espuma? Como proceder para não ofender os anfitriões?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Bom dia. A sinceridade é a melhor conduta. Explique que não se sente bem neste caso e peça gentilmente para se afastar da espuma. Converse com o(a) alergista que trata de sua alergia e peça que oriente a conduta em outras viagens previamente, para que tenha um plano de ação e esteja prevenida. Agradecemos sua participação no Blog da Alergia.

Postar um comentário

"Os comentários publicados sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. Os autores deste blog reservam-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgarem ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou sem a devida identificação de seu autor também poderão ser excluídos".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...