25 agosto 2010

Alergia a remédios


Antibióticos, analgésicos e antinflamatórios são os medicamentos que mais provocam alergia nas pessoas e muitas vezes estes remédios são usados sem prescrição médica, por automedicação. Este foi o tema de um estudo divulgado pelo Ministerio da Saúde no Peru.

As reações alérgicas podem ser leves, manifestando como coceira e irritação da pele mas também podem se manifestar de forma grave e ameaçadora à vida. O estudo mostrou que  antibióticos, como sulfas e penicilinas foram responsáveis por 47% dos casos, seguidos de antinflamatorios (29%) incluindo: aspirina, piroxicam, diclofenaco, ácido acetil salicilico e  ibuprofeno. 

O estudo mostrou também que as reações alérgicas em sua maioria, surgem minutos ou horas após a ingestão do medicamento, mas em alguns casos pode ser tardia. Quando a reação é crítica, pode desencadar un cuadro de anafilaxia, ou seja, quando os tecidos -em diferentes partes do corpo liberam sustâncias como a histamina, resultando em obstrução das vias respiratorias e sintomas como dor abdominal aguda, diarréia, congestão nasal, palpitação, urticária, prurido, etc e surgem em questão de minutos ou segunds.

Mulheres são mais vulneráveis

A alergia a medicamentos pode aparecer em qualquer idade, sendo mais frequentes entre  40 e 50 anos, provavelmente pelo aumento do uso de remédios, em especial na população feminina.

Ao contrário dos outros tipos de alergia como a dermatite, alergia alimentar, rinite ou asma, que são mais frequentes na infancia ou na juventude, a alergia aos medicamentos é  mais comum em adyltos e idosos.

Mas, um alerta às crianças, mas também a todos que ao menor sinal de febre ou dor se automedicam com analgésicos, antinflamatórios e até antibióticos, muitas vezes sem necessidade.

Não à automedicação! 

É comprovado: a automedicação aumenta o risco de alergia.
É verdade que não há como rever se uma pessoa será alérgica a medicamentos. Mas, o amplo uso e a automedicação certamente contribuem para aumentar tristemente estes índices. O médico, ao prescrever umq medicação, deve analisar cada caso, para que possa rescrever com segurança e eficácia.

Testes

São poucos os medicamentos que podem ser testados. Em grande parte das vezes, o diagnóstico é feito clínicamente, ou seja, baseado nos dados obtidos na anamnese (história clínica atual e pregressa) e exame físico realizado pelo médico especialista em Alergia.

E conclui: " mais do que testes, a avaliação clínica do paciente e uma minuciosa história clínica são instrumentos valiosos para detectar a possibilidade de alergia e para nortear o uso de uma medicação".
A Organização Mundial de Saúde (OMS) estimou que cerca de 5% da população do planeta pode ser portadora de alergia a um ou mais medicamentos.

Fonte:
Ministério da Saúde - Peru

12 Dê sua opinião:

Anônimo disse...

posso ter alergia ao manusear algum medicamento

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia pode surgir de formas variadas. A alergia pelo manuseio de medicamentos é rara, sendo mais vista em profissionais. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

Minha filha, de 07 anos, nunca havia manifestado alergia a nenhum medicamento, até que, há cerca de 1 mês, teve urticária após usar dipirona. Fui orientada pelo médico a substituir pelo paracetamol. Acontece que, essa semana, ao tomar o paracetamol, a urticária apareceu novamente. Em ambos os casos ela tomou os medicamentos por conta de infecção na garganta. Devo pensar conclusivamente que é alérgica a ambas as substâncias? É comum essa manifestação quase simultânea aos dois em quem nunca teve histórico de alergia a nada, nem a medicamento, alimentar, respiratória ou qualquer outra?
Grata,
Clarissa

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Clarissa: a alergia a medicamentos é imprevisível e pode acontecer mesmo nas pessoas que nunca manifestaram outro tipo de alergia. Aconselho que entre em contato com o alergista de sua filha para que ele comprove se foi realmente uma reação adversa ao paracetamol. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Descobri re recentemente que tenho alergia a quase tudo, agora tenho que fazer um tratamento com umas vacinas (segundo o médico ) existe a possibilidade de eu não fazer esse tratamento e ficar boa? e outra pergunta, tomei uma injeção de decadron e inchei muito tomaei duas em um mês e engordei ou inchei não sei 3 quilos, todo anti alergico incha?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A alergia comprovada a medicamentos não é tratada com vacinas. É preciso evitar o uso dos medicamentos. Decadron não é um antialérgico e sim um corticóide. O seu uso deve ser cauteloso e rigorosamente acompanhado pelo médico. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Quando criança, fui medicada com "cataflan", e tive reações de vomito, sendo cortado permanentemente o uso desse remedio.Agora quando adulta, fiz uso de "apracur" para uma gripe, e surgiram bolhas na pele, coçavam e logo secaram e viraram feridas, fiz exame de sangue e não constou como catapora, vindo a suspeita de alergia.Tem algum componente em comum a esses dois medicamentos q poderia estar me dando alergia ?
Grata, Jéssica

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Jessica: Apracur contem dipirona e pode reagir sob forma de reação cruzada com antinflamatórios, como é o diclofenaco. Leia: http://blogdalergia.blogspot.com/2012/02/alergia-analgesicos-e-antinflamatorios.html
O seu relato não deixa claro o tipo de reação que ocorreu. Aconselho que procure um alergista. Gratos por sua visita

Valda Ligia Vaz Rabelo disse...

Estou desesperada,pois o meu filho de 08 anos é alergico a medicamentos e até hoje eu não sei o que da a ele.tenho levado ele a alergista e mesmo assim ele tem apresentado reações alérgicas aos medicamentos que ele receitou(zinnat,salbultamol)Ela receitou o seretid...Ele vomitou muito,ficou muito vermelho,olhos inchados,boca seca,dores abdominais,ficou muito debilitado.Não sei o que fazer...Preciso de ajuda.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Valda: infelizmente não há como ajudar pela internet. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu filho e prestar maiores esclarecimentos. Gratos pela visita.

Anônimo disse...

informações sobre Dermatite Atopica , pois venho sofrendo a 3 anos.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O Blog da Alergia já publicou vários textos sobre Dermatite atópica. Convido que leia: http://blogdalergia.blogspot.com.br/2012/10/dermatite-atopica.html
O site da AADA (Associação de dermatite Atópica) possui muitas informações: www.aada.org.br
Gratos por sua visita ao Blog da Alergia

Postar um comentário

"Os comentários publicados sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. Os autores deste blog reservam-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgarem ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou sem a devida identificação de seu autor também poderão ser excluídos".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...