14 setembro 2009

Alergia sob controle

Reconheça seu tipo de alergia pelos sintomas e aprenda como mantê-los bem longe


Alergia Respiratória

Sintomas
Rinite alérgica: coriza, espirro, nariz entupido e coceira. Asma ou bronquite asmática: falta de ar, chiado no peito.

Causas

Ácaros na poeira de casa, fungos, pólen de flores, pelos de animais e insetos, como baratas. Fumaça de cigarro, tinta e virose podem desencadear alergias.
Tratamentos
Rinite: inalação diária com corticóide. Asma: uso contínuo de spray com corticóide. Na crise, spray com broncodilatador.

Prevenção
Praticar atividades físicas ao ar livre, manter os ambientes arejados e sem poeira.


Alergia Dermatológica

Sintomas
Urticária: placas vermelhas e coceira em qualquer parte do corpo. Eczema: descamação e coceira restrita à área alérgica.

Causas
Urticária: alimentos (principalmente camarão, leite, ovo e trigo). Remédios, como analgésicos e anti-inflamatórios, também podem desencadear crises. Eczema: há mais de 400 desencadeadores, como perfume, esmalte e cosméticos.

Tratamentos
Urticária: ingestão de antialérgico. Remédio de uso tópico não resolve o problema. Eczema: creme à base de corticóide. Não há remédio oral para eczema.

Prevenção
Evitar o agente responsável após sua identificação.

Alergia Alimentar

Sintomas
Urticária em regiões indefinidas do corpo, cólicas, diarreia e vômito. Os sinais surgem pouco tempo após a ingestão do alimento.

Causas
Teoricamente, qualquer alimento pode causar alergia. Os mais comuns são iguais aos citados na alergia dermatológica.

Tratamentos
Ao primeiro sinal dos sintomas, procurar ajuda médica com urgência para receber adrenalina injetável ou ingerir antialérgico.

Prevenção
Após identificar as causas, evite-as.

Ocular

Sintomas
Coceira nos olhos, vermelhidão e lacrimejamento.

Causas
As mesmas da rinite alérgica.

Tratamentos
Aplicação de um colírio antialérgico.

Prevenção
Evite as causas após identificá-las.


Medicamentosa

Sintomas
Em geral, urticária. Nos casos mais graves, falta de ar, cólica, queda da pressão ou até choque anafilático (crise que reúne todos os sintomas citados e que podem levar à morte).

Causas
Os principais desencadeadores são analgésicos e antibióticos.

Tratamentos
Após a ingestão de um antialérgico, procurar o pronto-socorro mais próximo para receber adrenalina injetável.

Prevenção
Não ingerir os medicamentos responsáveis pelas crises alérgicas.


Por insetos

Sintomas
Pernilongos: vermelhidão e coceira. No caso de abelhas ou insetos venenosos, pode causar choque anafilático.

Causas
Principalmente picadas de pernilongo, abelha e marimbondo.

Tratamentos
Inseto sem veneno: anti-inflamatório. Inseto venenoso: no hospital, vacina feita do veneno. A vítima deve receber adrenalina e corticóide e fica em observação por até 48 horas.

Prevenção
Carregar adrenalina autoinjetável para amenizar os sintomas até chegar ao hospital.



Identifique e controle sua alergia
Teste
Na hora de descobrir o que pode causar alergia, além do exame de sangue, o especialista costuma fazer um teste alérgico. Para isso, pinga uma gota do extrato da substância causadora num pequeno furinho feito na pele. Se houver reação, significa que você é alérgica ao produto analisado.

Vacinas
Alergias respiratórias e oculares, além dos procedimentos apresentados, podem ser tratadas com vacinas feitas a partir do extrato do agente causador. As aplicações começam semanalmente, tornam-se quinzenais e, então, mensais. O tratamento dura até cinco anos e em geral não é oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Revista Viva (Fabricio Pellegrino) Consultoria Dr João Negreiros vice presidencia - ASBAI

28 Dê sua opinião:

NiL disse...

Parabéns pelo site, e o conteúdo do mesmo. Esclarecimento e conhecimento acessível a quem procura!!

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Nil: Agradecemos seu incentivo que muito nos estimula para continuar este trabalho voluntário. Volte sempre para nos visitar.

Anônimo disse...

ola eu sou uma mae que tenho um bebe com equizema atopica e um caso muito serio mas graças a deus ja ta muito melhor tenho acompanhado os vosos conselhos obrigado por terem estes saites que nos ajudam muito um grande abraço.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu incentivo é muito importante para nós. Agradecemos sua visita e aproveitamos para convidá-la a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Adorei o site, estou com alergia a quase tudo na verdade ainda estou em teste de pesquisa. Estou super triste, com essa situação,mas tenho fé. Continue com o blog, e muito importante.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu incentivo é muito importante para o nosso trabalho voluntário neste Blog da Alergia. Agradecemos sua visita e aproveitamos para convidar a assinar nosso blog, passando a receber nossos textos diretamente em seu e-mail.

Anônimo disse...

Oi gostaria de me curar de meu problema que é eczema desidrótico, por favor alguém me ajude,tenho vergonha de fazer minhas unhas pois minhas mâos estão sempre descamada e feia..

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Compreendo seu sofrimento, mas para orientar um tratameto, é essencial examinar pessoalmente. A nossa equipe médica está ao seu inteiro dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro. Obrigada pela visita e volte sempre

Anônimo disse...

Tenho 40 anos e há 3 meses comecei a ter crise alergicas que incham todo o meu rosto. Fiz teste rast para carne de porco, camarão e leite, mas deu negativo. De 15 em 15 dias tenho crise e tenho que ir ao hospital para tomar corticoide e antihistamico..Alguém pode me dar uma luz..já não consigo mais trablahar em paz...vivo com medo de nova crise.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Peço sua compreensão, mas a pesquisa da causa de uma alergia não se baseia apenas em testes e exames. A base do trabalho do alergista é a análise minuciosa da história de cada pessoa, englobando a avaliação da doença em si, história pregressa, familiar, etc. O exame físico complementa a pesquisa. Por isso, não há como orientar sem examinar pessoalmente. A nossa equipe médica está ao seu dispor em nossa clínica de Alergia. Agradecemos sua visita.

Anônimo disse...

estou sofrendo a um ano e 4 meses não aguento mais tanta dor em volta da minha boca, que incha e fica vermelha, ja passei muitos remedios que outros medicos me receitaram só melhora mais depois volta não sei oque é ,e a causa disso por favor me ajude pois ja estou ficando louca pois eu nem saio mais de casa de vergonha a dor é horrivel e tambem, arde e queima muito e coça tambem me responda com urgencia obrigada

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Peço sua compreensão, mas não podemos atender sua solicitação através de aconselhamento por e-mail. Lesões na pele têm que ser examinadas e analisadas em conjunto com sua história clínica. A nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

Sou alérgica ao frio, e últimamente também ao calor excessivo. É possível isto suceder? Não posso tomar antihistamínicos porque tomo antidepressivo. Quando falei nisto ao neurologista, apenas encolheu os ombros (acho que em sinal de impotência). Como tratar então as crises de rinite alérgica constantes? se puder, me ajudem por favor.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

É possível tratar a alergia nas pessoas que utilizam antidepressivos. Recomendo que realize uma consulta com médico alergista para o esclarecimento diagnóstico da manifestação alérgica que você está apresentando. Obrigad pela visita

Anônimo disse...

quando fico so de bermuda ou tenho coceira e a mais de 8 meses, tomo polaramine todos os dias

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Polaramine é um antihistamínico (antialérgico) e alivia o prurido, mas é preciso pesquisar a causa do problema para que sua alergia possa ser efetivamente controlada. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Cekma disse...

OLÁ EU QUERIA SABER O QUE EU FAÇO PARA A DIETA DO MEU FILHO, ELE GOSTA MUITO DE BABUSEIRAS, COMO COCA COLA , SALGADINHOS,BATATA FRITAS, DOCES,E PIPOCAS.QUERO FAZER COM QUE ELE COMA SÓ COISAS QUE NÃO FAÇA A ALERGIA FICAR MAIS OFENSIVA, SE PODER CURAR MELHOR,ELE TEM URTICARIA E JÁ FEZ UM ANO, SÓ QUE NÃO TOMOU OS REMEDIOS DIREITO E NEM FEZ A DIETA E CONFEÇO QUE NESTA DIETA EU COMO MÃE ESTOU PERDIDA COMO FAZER?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Cekma: você mesma já definiu que seu filho necessita uma reeducação alimentar. A recomendação é a mesma válida para pessoas sem a doença, que é seguir hábitos de vida saudáveis. É fundamental manter uma alimentação equilibrada, natural, rica em vegetais e frutas. Alimentos artificializados, refrigerantes, frituras, devem ser evitados. Também é essencial praticar atividades físicas regulares. Obrigado pela visita ao nosso blog.

Anônimo disse...

o meu filho de 1ano so vive com catarro ja tomou vario antibiótico nao da resultado q eu faço. PRA mim livra desse catarro.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

O seu relato sugere que seu filho possa ser um portador de Rinite Alérgica, o que pode ocasionar as infecções repetidas. Mas, para confirmar é essencial examinar pessoalmente. Aconselho que leve seu filho a um alergista. Caso more no Rio, a nossa equipe está ao dispor na Policlínica. Um abraço.

Anônimo disse...

hoje acordei com uma coceira na perna e parecia que um gato tinha me arrabhado, isso pode ser alergia?

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Não há como afirmar se uma lesão é causada por alergia sem examinar pessoalmente. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Policlínica.

Anônimo disse...

Minha filha nasceu de 6 meses e hoje está com 10 meses.
No decorrer destes 10 meses apresentou vários problemas respiratórios e refluxo...
Foi feito um exame de sangue no qual o grau de alergia deveria dar 15 e no caso dela deu 200, a pediatra disse que não tem como saber a origem desta alergia no momento, que somente quando minha filha completar 4 anos poderei saber a causa. Gostaria de saber se esta informação é verdadeira ou se tenho como descobrir a origem desta alergia para fazer um tratamento adequado, pois acho muito vago o fato de ter que fazer um tratamento sem saber realmente do que minha filha tem alergia.
Tenho gatos e não sei se eles influenciam na reação alérgica dela, gostaria de saber também quais seriam os cuidados adequados caso eu queira continuar com eles...
Meu nome é Andréia e agradeço antecipadamente a atenção que me for dispensada.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

Andréia: aconselho que leve sua filha a um médico especialista em Alergia para que possa orientar de forma adequada. O pediatra de sua filha tem razão quando afirma que o diagnóstico da alergia, em especial nas crianças pequenas, não se baseia apenas em um exame, mas sim na análise clínica de cada caso. Crianças possuem características especiais e tem uma grande imaturidade do seu sistema imunológico. Mas, não há necessidade de aguardar até os 4 anos. O especialista poderá orientar e trabalhar em conjunto com o pediatra.Agradecemos sua visita.

Anônimo disse...

Olá boa noite!
Há 3 dias estou tendo urticárias em várias partes do corpo. Fui ao hospital e deu sorte da plantonista ser uma alergista, ela disse q sou alérgica a medicação que havia tomado: dipirona, ibuprofeno...ela passou uma medicação para eu tomar durante 7 dias, eu esqueci de perguntá-la se nesses 7 dias eu terei urticária, pq eu estou tendo frequentemente, cheguei até a pensar que sou alérgica a medicação, será? A minha pergunta é:se eu ja fui ao hospital e ja resolveu o problema, pq eu ainda tenho urticárias? é normal eu ficar tendo sempre? existe um tempo limite p ter urticária, estou com medo me ajudem por favor!! grata

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

As lesões da urticária tendem a permanecer até que o organismo elimine o medicamento causador, o que pode levar tempo. Mantenha a medicação orientada no pronto socorro. Mas, o tratamento não deve ser feito apenas na emergência É importante que marque uma consulta com um médico especialista em Alergia para acompanhá-la e orientá-la neste período de regressão da crise alérgica. Gratos por sua visita.

Anônimo disse...

Meu filho possui sintomas de dermografismo, gostaria de saber conrelação a alimentação do mesmo, como yorgutes, leite, e outras coisas que não sejam naturais, deve ser evitados tais alimentos, ou, não há problema.
E se há problema, quais seriam os alimentos mais indicados.
Obrigado, que Deus abençoe a todos vocês, e parabens pelo site.

Clínica de Alergia - Policlínica Geral do Rio de Janeiro disse...

A orientação que deseja não pode ser feita através da internet.Não há uma dieta padronizada para todos os portadores de dermografismo. É preciso conhecer os dados clínicos do seu filho para orientar uma dieta. Caso more no Rio, a nossa equipe médica está ao seu dispor na Clínica de Alergia da Policlínica Geral do Rio de Janeiro para avaliar seu caso e prestar maiores esclarecimentos. Agradecemos sua visita e seu incentivo ao nosso trabalho voluntário no Blog da Alergia. Volte sempre.

Postar um comentário

"Os comentários publicados sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. Os autores deste blog reservam-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgarem ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou sem a devida identificação de seu autor também poderão ser excluídos".

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...